Covid-19: prefeitura do Rio cede equipamentos a Itaperuna 

Arquivado em: Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 27 de julho de 2020 as 14:20, por: CdB

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, entregou no domingo 25 equipamentos para montagem de leitos de UTI dedicados ao combate à covid-19 no município de Itaperuna. Foram cedidos 10 respiradores e 15 monitores para a cidade do Noroeste Fluminense.

Por Redação, com ACS – do Rio de Janeiro

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, entregou no domingo 25 equipamentos para montagem de leitos de UTI dedicados ao combate à covid-19 no município de Itaperuna. Foram cedidos 10 respiradores e 15 monitores para a cidade do Noroeste Fluminense.

Prefeitura cede equipamentos a Itaperuna para abertura de leitos de UTI contra covid-19
Prefeitura cede equipamentos a Itaperuna para abertura de leitos de UTI contra covid-19

– Estamos muito felizes em poder ajudar o município de Itaperuna. Esse é um trabalho que a Prefeitura do Rio vem fazendo desde o início da pandemia e visa a equipar os hospitais das cidades do interior do estado e auxiliar no combate ao coronavírus.

Leitos de UTI em 23 municípios

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, já cedeu equipamentos de UTI para 23 municípios fluminenses e para o Hospital Universitário Pedro Ernesto (HUPE), que pertence à rede estadual. Com os respiradores, monitores e aparelhos de anestesia cedidos, foi possível abrir 252 leitos de UTI dedicados ao combate da pandemia de Covid-19.

Além do Hospital Pedro Ernesto, estão sendo beneficiados os seguintes municípios: Mangaratiba, Seropédica, Guapimirim, Barra do Piraí, Nova Iguaçu, Petrópolis, Itaguaí, Queimados, Duque de Caxias, Teresópolis, Campos, Miguel Pereira, Rio das Ostras, Mendes, Barra Mansa, Miracema, Volta Redonda, São João de Meriti, Cordeiro, Carapebus, Arraial do Cabo, Cabo Frio e Itaperuna.

Investimento em saúde antes da pandemia

Os equipamentos ficarão cedidos enquanto durar a pandemia e, depois, retornarão ao município do Rio. A cessão é possível porque a Prefeitura está renovando o parque tecnológico da rede municipal de saúde. Nos últimos três anos, foi feito um investimento total de R$ 370 milhões na compra de mais de 18 mil itens, entre eles 27 tomógrafos e 726 respiradores, comprados antes da crise sanitária e que se tornaram instrumentos fundamentais no combate ao novo coronavírus.