Mais de 80 mil crianças podem ter morrido de fome na guerra do Iêmen, diz ONG

Arquivado em: Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 21 de novembro de 2018 as 11:44, por: CdB

A organização disse que, de acordo com uma estimativa moderada baseada em dados da ONU, cerca de 84,7 mil crianças sofrendo de desnutrição aguda morreram entre abril de 2015 e outubro de 2018 no país.

Por Redação, com Reuters – de Dubai

Cerca de 85 mil crianças com menos de 5 anos de idade podem ter morrido de fome extrema no Iêmen desde que uma coalizão liderada pela Arábia Saudita interveio na guerra civil do país em 2015, afirmou a organização humanitária Save the Children nesta quarta-feira.

Cerca de 85 mil crianças com menos de 5 anos de idade podem ter morrido de fome extrema no Iêmen

A organização disse que, de acordo com uma estimativa moderada baseada em dados da ONU, cerca de 84,7 mil crianças sofrendo de desnutrição aguda morreram entre abril de 2015 e outubro de 2018 no país, onde uma aliança árabe apoiada pelo Ocidente está lutando contra o movimento Houthi, que controla a capital.

– Estamos horrorizados que cerca de 85 mil crianças no Iêmen podem ter morrido devido às consequências da fome extrema desde que a guerra começou. Para cada criança morta por bombas e balas, dezenas estão morrendo de fome e doenças, e é totalmente evitável – disse a organização em comunicado.

Os últimos dados disponíveis da Organização das Nações Unidas (ONU) para o número de mortos da guerra datam de 2016, quando mais 10 mil vítimas haviam sido registradas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *