Deputado acusa Bolsonaro de apoiar atos por fechamento de estradas

Arquivado em: Política, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 9 de setembro de 2021 as 14:20, por: CdB

Os caminhoneiros chegaram a duvidar da autenticidade da fala do presidente, alegando se tratar de um áudio antigo, referente à grave ocorrida em 2018. Em função disso, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, gravou vídeo nas redes sociais confirmando as declarações dadas pelo presidente, e pedindo “serenidade” aos manifestantes.

Por Redação – de Brasília

Os atos de uma parcela mais radical do movimento dos caminhoneiros, na manhã desta quinta-feira, com bloqueios em ao menos 15 rodovias federais, de acordo com boletim do Ministério da Infraestrutura com dados da Polícia Rodoviária Federal (PRF), foram incitados pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), segundo denunciou o deputado Nilto Tatto (PT-SP). Durante a noite, Bolsonaro divulgou áudio pedindo aos caminhoneiros a liberação das estradas, em função dos prejuízos econômicos causados mas, na surdina, teria apoiado o movimento.

Ze Trovão
Foragido da Justiça, o caminhoneiro bolsonarista conhecido como Zé Trovão fica no vazio

Os caminhoneiros chegaram a duvidar da autenticidade da fala do presidente, alegando se tratar de um áudio antigo, referente à grave ocorrida em 2018. Em função disso, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, gravou vídeo nas redes sociais confirmando as declarações dadas pelo presidente, e pedindo “serenidade” aos manifestantes.

Acuado

De acordo com o deputado Tatto, no entanto, trata-se de “jogo de cena” da parte do presidente. O parlamentar destaca que tanto os bloqueios de caminhoneiros, assim como os atos antidemocráticos de 7 de setembro foram financiadas por setores do agronegócio.

— É simplesmente uma pauta de interesse específico do próprio governo Bolsonaro, que quer cada vez mais um governo fechado, para ele implementar uma ditadura. Bolsonaro fez essa fala (desmobilizando os caminhoneiros), mas todo mundo sabe que, por baixo, está mobilizando para paralisar — afirmou Tatto à agência brasileira de notícias Rede Brasil Atual (RBA).

‘Para tudo!’

Ainda na manhã desta quinta-feira, o caminhoneiro bolsonarista Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, foragido da Justiça, publicou um vídeo em que pede para a população ir às ruas para apoiar a greve dos caminhoneiros. Não foi atendido.

Zé Trovão também reiterou que os bloqueios nas rodovias não iriam terminar. A realidade também não era mais essa.

— Vamos manter as pistas 100% fechadas — esbravejou, mas a situação começava a ceder no início da tarde, com a desmobilização dos bloqueios e Zé Trovão caiu no vazio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code