Dinamarca relata segundo casos de coágulos após uso da vacina AstraZeneca

Arquivado em: Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado sábado, 20 de março de 2021 as 11:18, por: CdB

 

A Dinamarca relatou neste sábado dois casos de coágulos de sangue e hemorragia cerebral em pessoal hospitalar que foi inoculado com a vacina AstraZeneca contra a covid-19, escreve à agência inglesa de notícias Reuters.

Por Redação, com Sputnik – de Copenhague

A Dinamarca relatou neste sábado dois casos de coágulos de sangue e hemorragia cerebral em pessoal hospitalar que foi inoculado com a vacina AstraZeneca contra a covid-19, escreve à agência inglesa de notícias Reuters.

Dinamarca relata segundo casos de coágulos de sangue, incluindo uma morte, após uso da vacina AstraZeneca

País europeu disse que dois funcionários hospitalares em Copenhague receberam a vacina da farmacêutica AstraZeneca e que ambos ficaram doentes menos de duas semanas depois.

A Região Capital da Dinamarca, cuja autoridade gerencia o sistema de saúde na capital do país, disse que um dos dois funcionários do hospital morreu e que ambos receberam a vacina menos de 14 dias antes de ficarem doentes.

A Agência Dinamarquesa de Medicamentos confirmou ter recebido dois “relatórios graves”, mas sem dar mais detalhes.

Países europeus

A aplicação da vacina da farmacêutica AstraZeneca foi suspensa anteriormente em uma série de países europeus, incluindo Alemanha, Reino Unido, França, Espanha, Portugal e Itália.

Especialistas médicos noruegueses disseram na quinta-feira que a forte reação imune provocada pela vacina leva a uma rara combinação de coágulos de sangue e contagem baixa de plaquetas (trombócitos).

Mesmo assim, na quinta-feira, a Agência Europeia de Medicamentos (EMA, na sigla em inglês) afirmou que a vacina é “segura e eficaz” contra a covid-19. A Organização Mundial da Saúde considera igualmente que “os benefícios da vacina da AstraZeneca superam seus riscos e recomenda que as vacinações continuem”.