Djokovic encerra parceria com técnico Radek Stepanek

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 4 de abril de 2018 as 14:14, por: CdB

O vencedor de 12 títulos de Grand Slam encerrou sua colaboração com Agassi na semana passada, e tem tido dificuldade para recuperar a forma na esteira de um afastamento causado por uma lesão no cotovelo

Por Redação, com Reuters – de Moscou:

Novak Djokovic encerrou sua parceria com o técnico Radek Stepanek dias depois da saída do técnico principal, Andre Agassi, de sua equipe, anunciou o ex-número um do mundo nesta quarta-feira.

Novak Djokovic encerrou sua parceria com o técnico Radek Stepanek

– Depois de Miami, Novak Djokovic e seu técnico Radek Stepanek decidiram encerrar sua cooperação – informou um comunicado publicado no site oficial do tenista sérvio (www.novakdjokovic.com).

– O relacionamento pessoal com Stepanek era e continuará sendo ótimo; e Novak gostou de trabalhar com ele e aprender com ele. Ele agradece e valoriza todo o apoio que recebeu de Radek durante este último período.

O vencedor de 12 títulos de Grand Slam encerrou sua colaboração com Agassi na semana passada; e tem tido dificuldade para recuperar a forma na esteira de um afastamento causado por uma lesão no cotovelo.

Ex-tenista profissional, Stepanek entrou na equipe de Djokovic como técnico de meio período depois que Agassi; dono de oito troféus de grandes torneios, se juntou ao time antes da disputa de Roland Garros no ano passado.

O desempenho

O desempenho de Djokovic tem oscilado desde que ele conquistou seu primeiro título no Aberto da França em 2016; que completou suas conquistas de torneios de Grand Slam.

Depois da derrota em Roland Garros no ano passado, o sérvio desistiu de uma partida contra o tcheco Tomas Berdych nas quartas de final de Wimbledon; e se afastou durante seis meses para tratar de sua lesão.

Eliminado nas oitavas do Aberto da Austrália em janeiro, Djokovic passou por uma operação no cotovelo; mas ainda não voltou à sua melhor forma.

Ele deve voltar à ação no Masters 1000 de Monte Carlo, entre os dias 14 e 22 de abril, após uma pausa curta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *