Empresas bolsonaristas faturam alto com o tal ‘kit covid-19’, revela CPI

Arquivado em: Brasil, Destaque do Dia, Últimas Notícias
Publicado domingo, 18 de julho de 2021 as 17:45, por: CdB

O faturamento teria contado com uma estratégia de anúncios muito bem remunerada, uma vez que a Associação Médicos pelo Brasil, que divulga propagandas em defesa do tratamento precoce, teve estes anúncios patrocinados pela farmacêutica que produzia ivermectina, a Vitamedic.

Por Redação, com Sputnik Brasil – de Brasília

Vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) revelou, neste domingo, que farmacêuticas que impulsionavam propagandas de tratamento precoce e “kit covid-19” apresentaram alto faturamento quando comparado ao ano passado.

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) foi o primeiro signatário da CPI da Covid

Neste domingo, o parlamentar apontou que o faturamento das empresas que vendem remédios ineficazes contra a covid-19 ultrapassou R$ 500 milhões, segundo a agência russa de notícias Sputnik Brasil.

O faturamento teria contado com uma estratégia de anúncios muito bem remunerada, uma vez que a Associação Médicos pelo Brasil, que divulga propagandas em defesa do tratamento precoce, teve estes anúncios patrocinados pela farmacêutica que produzia ivermectina, a Vitamedic, de acordo com a mídia.

Pandemia

Também com o apoio do grupo bolsonarista Médicos Pela Vida, as vendas de ivermectina pela farmacêutica, uma das maiores produtoras do medicamento, cresceram 1230% em 2020 em relação a 2019. Segundo o senador, estima-se que a empresa tenha arrecadado R$ 734 milhões só com o medicamento do “kit covid-19” nesse período.

O grupo Médicos pela Vida mantém a defesa ao tratamento precoce no site da associação e alguns de seus integrantes compõem o chamado gabinete paralelo do governo, uma divisão que aconselharia nos bastidores o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) a lidar com a pandemia no Brasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code