Espanha quer regras comuns para circulação por fronteiras da UE

Arquivado em: Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 26 de maio de 2020 as 10:48, por: CdB

A Espanha fez um apelo a seus parceiros da União Europeia nesta terça-feira pela criação de regras comuns, inclusive possíveis exames de saúde de passageiros, para abrir as fronteiras e restabelecer a livre circulação no Espaço Schengen, agora que os isolamentos nacionais contra o coronavírus estão sendo suspensos gradualmente.

Por Redação, com Reuters – de Madri/Atenas

A Espanha fez um apelo a seus parceiros da União Europeia nesta terça-feira pela criação de regras comuns, inclusive possíveis exames de saúde de passageiros, para abrir as fronteiras e restabelecer a livre circulação no Espaço Schengen, agora que os isolamentos nacionais contra o coronavírus estão sendo suspensos gradualmente.

Pessoas com máscaras de proteção durante minuto de silêncio em homenagem às vítimas de covid-19 em Madri
Pessoas com máscaras de proteção durante minuto de silêncio em homenagem às vítimas de covid-19 em Madri

– Temos que trabalhar com nossos parceiros europeus para definir as regras comuns que nos permitirão retomar a livre circulação no território europeu – disse a ministra das Relações Exteriores espanhola, Arancha González, à rádio Cadena Ser.

Embora os países da UE tenham estabelecido datas diferentes para a reabertura das fronteiras, é preciso haver princípios e regras comuns no Espaço Schengen para se abrir divisas internas e criar regras para divisas externas, disse ela.

Futuro da Europa

Em um documento consultivo entregue pela Espanha a um processo de consulta entre países-membros do bloco denominado Futuro da Europa, Madri também pediu o monitoramento da saúde dos turistas por meio de exames individuais como parte de um procedimento comum para toda a UE.

“Seria apropriado cogitar, em coordenação com a Organização Mundial do Turismo (OMT) e a Organização Mundial da Saúde (OMS), opções para exames de saúde, seja no ato da compra de passagens ou no próprio aeroporto, caso os resultados destes exames sejam disponibilizados em um período de tempo razoável”, disse o documento visto pela agência inglesa de notícias Reuters.

“A definição de um sistema de trânsito de passageiros seguro e operacional é essencial para se restaurar a normalidade dos fluxos de turistas de uma maneira sustentável.”

Uma fonte diplomática disse à Reuters que uma das opções sendo cogitadas é examinar os passageiros antes do embarque.

Na segunda-feira, a Espanha incentivou os turistas a voltarem ao país em julho agora que está afrouxando um dos isolamentos mais rígidos da Europa.

Grécia reabre cafés e restaurantes

A Grécia autorizou que cafés e restaurantes reabrissem, na segunda-feira, como parte de um afrouxamento gradual das restrições ao coronavírus para retomar sua economia dependente do turismo e ajudar a atrair visitantes estrangeiros antes da temporada de verão.

O país, que emergiu de uma longa crise financeira nos últimos dois anos, depende do turismo para ajudá-lo a se recuperar de uma quarentena nacional que praticamente levou sua economia a uma paralisação.

Com mesas afastadas e atendentes usando máscaras, os restaurantes serviram a muitos gregos interessados ​​em sair para desfrutar de bons pratos e uma xícara de café novamente após cerca de dois meses confinados.

– Sentimos falta disso, é uma terapia psicológica para nós, por isso é importante, muito, muito importante – disse Katerina Stravaridi em um café de Atenas.

Até agora, o país conseguiu restringir as infecções por covid-19 a 2.878 casos e 171 mortes, números baixos em comparação com outros países da União Europeia, impondo uma quarentena nacional em março.

O prefeito de Atenas, Kostas Bakoyannis, disse que a reabertura do setor de serviços de alimentação é um prelúdio para a temporada de férias de verão.

Destino

– A Grécia é aberta e segura. É um destino onde se pode aproveitar as férias e, ao mesmo tempo, garantir a saúde – afirmou ele.

As viagens para todas as ilhas gregas também foram retomadas nesta segunda-feira, com balsas de passageiros operando com 50% de sua capacidade, enquanto o país se prepara para reabrir hotéis disponíveis durante o ano em 1º de junho.

Os hotéis sazonais estarão abertos a partir de 15 de junho, quando alguns voos internacionais diretos do aeroporto internacional de Atenas também serão retomados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *