Espanha retira fragata de missão no Golfo Pérsico

Arquivado em: América do Norte, Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 14 de maio de 2019 as 12:16, por: CdB

O Ministério da Defesa espanhol não deu motivos para a retirada da Méndez Núñez, com 215 marinheiros, do grupo liderado pelo porta-aviões norte-americano USS Abraham Lincoln.

Por Redação, com Reuters – de Madri

A Espanha anunciou nesta terça-feira que retirou temporariamente uma fragata de um grupo de combate no Golfo Pérsico liderado pelos Estados Unidos, em um possível sinal de diferenças diplomáticas entre a Europa e Washington no tocante ao Irã.

Fragata da Marinha espanhola Méndez Núñez no sul da Espanha

O Ministério da Defesa espanhol não deu motivos para a retirada da Méndez Núñez, com 215 marinheiros, do grupo liderado pelo porta-aviões norte-americano USS Abraham Lincoln.

Autoridades dos EUA disseram que o país enviou o porta-aviões e bombardeiros B-52 ao Oriente Médio visando se contrapor a ameaças do Irã a forças norte-americanas na região.

O presidente Donald Trump também quer cortar as exportações iranianas de petróleo para pressionar Teerã a reduzir seu programa nuclear e seu apoio a forças que a representam na Síria, Iraque, Líbano e Iêmen.

Embora a União Europeia compartilhe algumas das preocupações de Washington, inclusive o envolvimento do Irã na Síria, ainda apoia um acordo nuclear de 2015 com Teerã do qual Trump retirou os EUA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *