EUA sinalizam prioridade para a Alca

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado sexta-feira, 19 de novembro de 2004 as 09:57, por: CdB

Os Estados Unidos deram indícios na quinta-feira que seu interesse primordial na política comercial no curto prazo está mais centrado em impulsionar os acordos da Rodada Doha da Organização Mundial do Comércio (OMC) do que revitalizar as negociações em torno da Área de Livre Comércio das Américas (Alca).

O representante norte-americano de comércio, Robert Zoellick, que participa em Santiago da reunião de cúpula do Fórum de Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (Apec), disse que as prioridades de seu país estão na Rodada Doha.

– O principal objetivo dos Estados Unidos aqui tem sido promover e levar adiante a agenda de Doha. Nosso enfoque principal é a agenda econômica global – disse.

Apesar de ressalvar que a Alca ainda é um objetivo importante, Zoellick não expressou muito otimismo de que as negociações para a criação do bloco se destravem para que se possa ao menos avançar para um tratado mínimo base, como o proposta na reunião de Miami no ano passado.

– Conseguimos avançar para um arranjo base (em Miami), mas ainda não há resultado frutífero…esperamos continuar os esforços para analisar esses problemas e avançar – disse.
A maior dificuldade nas negociações da Alca tem sido as divergências entre os Estados Unidos e o Mercosul, formado por Paraguai, Uruguai, Argentina e Brasil.

– Tem que haver mais flexibilidade – disse Zoellick.