Existe diferença na alimentação do homem e da mulher?

Arquivado em: Destaque do Dia, Saúde, Últimas Notícias, Vida & Estilo
Publicado sexta-feira, 2 de março de 2018 as 10:49, por: CdB

Homens e mulheres precisam consumir alimentos diferentes? E a quantidade consumida por cada um, deve ser a mesma?

Por Redação, com ACS – de Brasília:

As mulheres sempre cuidaram bem da saúde e principalmente buscaram com mais afinco uma alimentação adequada e saudável. Ultimamente, o homem está correndo atrás. O que eles precisam ficar atentos é que há uma diferença de necessidades nutricionais quando falamos de gênero. Não que isso se traduza em alimentos específicos, mas sim em quantidade.

As mulheres sempre cuidaram bem da saúde e principalmente buscaram com mais afinco uma alimentação adequada e saudável

– A quantidade de calorias, vitaminas, minerais e proteínas geralmente é maior para o homem –  explica Fabiana Nalon, mestre em Nutrição Humana pela Universidade de Brasília (UnB). “Naturalmente ele tem mais massa muscular, a taxa de metabolismo é maior, ou seja, de modo geral ele precisa se alimentar em maior quantidade e é preciso tomar cuidado porque as necessidades nutricionais variam de pessoa para pessoa dentro de uma mesma família.”

Quando uma família resolve adotar uma alimentação mais adequada e saudável, geralmente a mulher toma a iniciativa. E quando o marido resolve entrar na linha, precisa ficar alerta à quantidade, que poderá não ser a mesma para ele. “Vemos muito isso em algumas famílias.

Alimentação

A esposa procura um profissional de saúde e muda sua alimentação, alterando a qualidade dos alimentos consumidos e a quantidade das porções. Muitas vezes o marido resolve seguir a mesma ‘dieta’ e acaba consumindo menos do que deveria. Sendo assim, o homem pode procurar um profissional de saúde para saber se a quantidade de alimentos ingeridos está adequada para ele.”

Uma alimentação adequada e saudável é baseada em alimentos in natura ou minimamente processados; como arroz, feijão, frutas, legumes e verduras. Vale lembrar que há de se ter cuidado com o excesso de açúcar, sal e gordura; que a qualidade da alimentação é fundamental para a sua saúde; e que também deve-se evitar ao máximo o consumo de alimentos ultraprocessados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *