Facebook irá priorizar conteúdo pessoal no feed

Arquivado em: Destaque do Dia, Internet, Redes Sociais, Tecnologia, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 12 de janeiro de 2018 as 11:26, por: CdB

Rede social anuncia que vai valorizar conteúdo de amigos e familiares em detrimento dos perfis de empresas e meios de comunicação. Segundo Zuckerberg, ler artigos ou ver vídeos pode não ser tão bom para o bem-estar

Por Redação, com DW – de São Francisco:

A rede social Facebook anunciou que dará prioridade aos conteúdos publicados por familiares e amigos em detrimento dos perfis de empresas, marcas ou meios de comunicação social. O anúncio foi feito pelo fundador e presidente do Facebook, Mark Zuckerberg, que indicou que as mudanças foram tomadas para valorizar as experiências dos usuários da rede. 

Zuckerberg: “Usar redes sociais para se conectar com pessoas queridas pode ser bom para nosso bem-estar”

– Recentemente, temos recebido comentários da nossa comunidade (de usuários) de que o conteúdo público;  posts de empresas, marcas e meios de comunicação; está encobrindo os momentos pessoais; que nos levam a nos conectar mais uns aos outros – afirmou no seu perfil no Facebook.

– É fácil perceber como chegamos aqui. Vídeos e outros conteúdos públicos têm explodido no Facebook nos últimos dois anos. Há mais conteúdos públicos do que posts dos nossos amigos e familiares; o equilíbrio do que aparece no feed de notícias se afastou da coisa mais importante que o Facebook pode fazer; ajudar a nos conectarmos uns aos outros – escreveu Zuckerberg.

Pesquisas

O fundador do Facebook afirmou ainda que estudos acadêmicos sinalizam que esse desequilíbrio não é positivo. “As pesquisas mostram que, quando usamos as redes sociais para nos conectarmos com pessoas com as quais nos importamos, isso pode ser bom para o nosso bem-estar. Podemos nos sentir mais conectados e menos sozinhos, e isso tem uma correlação com os índices de felicidade e saúde em longo prazo”, sustentou. “Por outro lado, ler artigos ou ver vídeos de forma passiva, mesmo que sejam de entretenimento ou informativos, pode não ser tão bom”, acrescentou.

Zuckerberg afirmou que Facebook definiu as mudanças agora anunciadas no ano passado; e adiantou que os usuários da rede social começarão a ver em breve mais publicações no seu mural de familiares, amigos e conhecidos. Segundo os mais recentes dados oficiais; referentes a setembro de 2017, o Facebook contava com uma média de 1,370 bilhão de usuários ativos diariamente.

Os usuários que desejarem priorizar o conteúdo de sites de notícias devem fazer uma rápida alteração nas configurações. Por exemplo, para continuar visualizando as notícias da agência alemã de notícias DW; vá até “Preferências do Feed de notícias”; clique em “Priorize quem ver primeiro” e marque a DW .

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *