Feriado: PRF restringirá trânsito de veículos pesados em estradas

Arquivado em: Brasil, Destaque do Dia, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 6 de setembro de 2018 as 12:40, por: CdB

O principal objetivo da Operação Independência é contribuir para reduzir o número de acidentes nas estradas e garantir a segurança e a fluidez do trânsito

Por Redação, com ABr – de Brasília

Devido ao esperado aumento do número de veículos nas estradas por causa do feriado de 7 de Setembro, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) vai limitar o trânsito de veículos pesados com excesso de carga ou dimensões em estradas federais de pista simples. A medida faz parte da Operação Independência, iniciada à 0h desta quinta-feira e que se estenderá até as 23h59 do próximo domingo.

a Polícia Rodoviária Federal (PRF) vai limitar o trânsito de veículos pesados com excesso de carga ou dimensões em estradas

A restrição para os veículos com excesso de carga ou dimensões foi imposta entre as 16h e as 22h desta quinta; das 6h às 12h desta sexta-feira e das 16h às 22h de domingo. Além disso, a vigilância será reforçada nos trechos que a própria instituição identifica como mais perigosos.

O principal objetivo da Operação Independência é contribuir para reduzir o número de acidentes nas estradas e garantir a segurança e a fluidez do trânsito. Também serão realizadas ações operacionais direcionadas para o combate à criminalidade.

Durante os quatro dias de operação, policiais rodoviários serão distribuídos por pontos estratégicos com centenas de radares portáteis e mais de 2 mil bafômetros (etilômetro).

Segundo a PRF, os radares serão distribuídos em intervalos irregulares, a fim de surpreender os motoristas que não respeitarem os limites de velocidade e as regras de trânsito. A medida, segundo a instituição, é uma forma de coibir um comportamento frequente: muitos condutores, após perceberem que passaram por uma fiscalização de radar, voltam a acelerar e ultrapassar o limite da via.

– Com o sistema de radares sequenciados, estes motoristas tenderão a tomar mais cautela, pois criarão a expectativa de serem flagrados por excesso de velocidade a qualquer momento e, assim, os riscos de acidentes diminuem – sustenta a PRF, em nota.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *