Fifa propõe realizar uma mini-Copa do Mundo a cada 2 anos

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 2 de maio de 2018 as 11:37, por: CdB

O torneio, conhecido como “Final 8”, seria a fase decisiva de uma Liga de Nações, projeto que faz parte de um plano ambicioso para reformar o calendário das seleções de futebol

Por Redação, com Reuters – de Berna:

O presidente da Fifa, Gianni Infantino, propôs a realização de um torneio que na prática seria uma mini-Copa do Mundo, com a participação de oito seleções, a cada 2 anos, além do tradicional Mundial realizado de quatro em quatro anos.

Fila para compra de ingressos da Copa do Mundo da Rússia, em Moscou

O torneio, conhecido como “Final 8”, seria a fase decisiva de uma Liga de Nações; projeto que faz parte de um plano ambicioso para reformar o calendário das seleções de futebol; e a Fifa acredita que teria valor de US$ 25 bilhões em um ciclo de 12 anos.

Em uma carta vista pela agência inglesa de notícias Reuters; Infantino disse que um grupo não identificado de investidores propôs investir US$ 25 bilhões para obter os direitos sobre o torneio; que aconteceria em outubro e/ou novembro a cada ano ímpar começando em 2021.

A Copa das Confederações, atualmente realizada a cada quatro anos no ano anterior à Copa do Mundo, seria abolida.

Fifa seleciona 3 italianos para árbitro de vídeo da Copa

A Fifa selecionou os primeiros árbitros para operar o sistema de árbitro de vídeo (VAR) da Copa do Mundo da Rússia; incluindo três italianos na lista de 13 nomes divulgados na segunda-feira.

A seleção dos árbitros, que são todos árbitros em atividade; se baseou em sua experiência no uso do sistema VAR; que foi testado em várias competições do mundo todo; informou a federação internacional de futebol.

Ao fazer a escolha, a Fifa também considerou “a participação bem-sucedida em vários seminários preparatórios e competições da Fifa, nos quais aprofundaram seu conhecimento do VAR e suas habilidades usando o sistema”.

Os árbitros europeus

Os árbitros europeus selecionados foram os italianos Daniele Orsato, Paolo Valeri e Massimiliano Irrati; os portugueses Artur Soares Dias e Tiago Martins, os alemães Bastian Dankert e Felix Zwayer, o polonês Pawel Gil e o holandês Danny Makkelie.

Os outros escalados foram o catari Abdulrahman Al Jassim; o brasileiro Wilton Pereira Sampaio, o boliviano Gery Vargas e o argentino Mauro Vigliano.

Os campeonatos italiano, alemão e espanhol estão entre os que usaram o VAR nesta temporada.

A Fifa disse que alguns dos árbitros e auxiliares selecionados previamente também atuarão como VARs durante a Copa do Mundo da Rússia.

O sistema

O sistema foi aprovado pelo Conselho da Associação Internacional de Futebol (Ifab) em março depois de cerca de dois anos de testes; mas ainda existem temores de que não esteja funcionando tão efetivamente quanto deveria.

O presidente da Fifa, Gianni Infantino, é um firme defensor do sistema; mas críticos dizem que as decisões são mal explicadas ao público e; que levaram à anulação inesperada de gols vários minutos mais tarde e à revogação de pênaltis na iminência da cobrança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *