Francisco nomeia para o Brasil bispo que atuou no norte de Moçambique

Arquivado em: África, América Latina, Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 11 de fevereiro de 2021 as 13:22, por: CdB

O papa Francisco nomeou Luiz Fernando Lisboa, que era desde 2013 bispo da diocese de Pemba, no norte de Moçambique, como bispo de Cachoeiro do Itapemirim, no Brasil, anunciou nesta quinta-feira a Conferência Episcopal de Moçambique.

Por Redação, com ABr – da Cidade do Vaticano

O papa Francisco nomeou Luiz Fernando Lisboa, que era desde 2013 bispo da diocese de Pemba, no norte de Moçambique, como bispo de Cachoeiro do Itapemirim, no Brasil, anunciou nesta quinta-feira a Conferência Episcopal de Moçambique.

O Papa Francisco participa da audiência geral semanal no Vaticano

Em comunicado, a entidade eclesiástica agradeceu o fato de ter contado, desde o ano 2013, com um “grande missionário do Brasil como bispo” na província de Cabo Delgado.

Luiz Fernando Lisboa volta ao Brasil, depois de ter sido uma das vozes mais ativas em nível local e internacional na crise humanitária vivida no norte de Moçambique, devido aos ataques de grupos armados naquela região rica em gás natural, mas de muita pobreza.

Segundo a diocese, Luiz Fernando Lisboa encontra-se no Brasil e deverá voltar a Pemba no final do mês para as despedidas.

O papa Franciso nomeou também Antônio Juliasse Ferreira Sandramo, bispo auxiliar de Maputo, como administrador apostólico de Pemba.

Norte de Moçambique

A violência armada na província do norte de Moçambique, onde se desenvolve o maior investimento multinacional privado da África para a exploração de gás natural, está provocando uma crise humanitária com mais de duas mil mortes e 560 mil pessoas deslocadas, sem habitação, nem alimentos, concentrando-se sobretudo na capital provincial, Pemba.

Algumas das ações passaram a ser reivindicadas pelo grupo jihadista Estado Islâmico desde 2019.