Funeral do dono do Leicester será iniciado na Tailândia

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 1 de novembro de 2018 as 13:47, por: CdB

Além do proprietário do Leicester, outras quatro pessoas morreram no acidente, entre eles, dois integrantes da equipe de assistentes do empresário, além de piloto e co-pilota, que eram casados.

Por Redação, com EFE – de Londres

O funeral de Vichai Srivaddhanaprabha, proprietário do Leicester, que morreu na semana passada em acidente de helicóptero, será realizado a partir deste sábado em Bangcoc, na Tailândia, segundo informou nesta quinta-feira a King Power, empresa que também pertencia ao empresário.

Funeral do dono do Leicester será iniciado neste sábado na Tailândia

Srivaddhanaprabha, de 60 anos, foi vitimado de forma trágica no último sábado, quando o aparelho que o levaria do estádio King Power Stadium, após jogo dos ‘Foxes’ com o West Ham, pelo Campeonato Inglês, caiu no estacionamento da instalação esportiva.

Além do proprietário do Leicester, outras quatro pessoas morreram no acidente, entre eles, dois integrantes da equipe de assistentes do empresário, além de piloto e co-pilota, que eram casados.

Seguindo a tradição budista, o funeral durará vários dias. Em reconhecimento a importância de Srivaddhanaprabha no país, a cerimônia terá tratamento real, com todas as honras associadas.

O corpo do dirigente esportivo será levado da Inglaterra para a Tailândia amanhã, conforme informou a emissora britânica BBC.

Acidente de helicóptero

O Leicester City informou no domingo (data local de Londres) que continua “colaborando” com a Polícia e serviços de emergência para determinar o alcance do acidente sofrido pelo helicóptero do dono deste clube inglês de futebol, o tailandês Vichai Srivaddhanaprabha.

– Estamos colaborando com a Polícia de Leicestershire e serviços de emergência em relação a um incidente grave no King Power Stadium. O clube emitirá um comunicado mais detalhado quando tivermos mais informação – afirmou um porta-voz do clube na conta oficial do Twitter.

Várias fotografias postadas nas redes sociais após o acidente mostraram um grande incêndio no estacionamento ao lado do estádio, se bem que as chamas foram apagadas pouco depois, segundo declararam várias testemunhas à imprensa.

A Polícia do condado de Leicestershire explicou que “está a par de um incidente” ocorrido nas proximidades do King Power Stadium e que os serviços de emergência estiveram no local.

O serviço de ambulâncias da saúde pública também tuitou para confirmar que foi até a cena do acidente e que vai dar informação atualizada “quando for possível”.

Um repórter da emissora Sky Sports acrescentou que o helicóptero decolou do próprio campo do estádio, como é habitual depois de cada partida que o Leicester disputa em casa.

Segundo o jornalista, o piloto do aparelho perdeu o controle e caiu no estacionamento, enquanto uma testemunha afirmou que “parecia como se a hélice da cauda não funcionasse corretamente”, o que fez com o helicóptero “”girasse”.

Srivaddhanaprabha, de 60 anos, é o proprietário da companhia King Power International e comprou o Leicester em agosto de 2010, quando o time estava na segunda divisão do futebol inglês.

O magnata dos duty “free” em aeroportos tem uma fortuna pessoal de quase 3 bilhões de euros e a revista especializada “Forbes” o coloca entre os sete homens mais ricos da Tailândia.

Sob sua presidência, o modesto Leicester chegou à Premier League, correspondente à primeira divisão do futebol inglês, e a venceu na temporada 2015-2016, uma façanha que causou impacto no mundo do esporte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *