Google lança 80 pontos de acesso banda larga sem fio à Internet em SP

Arquivado em: Destaque do Dia, Internet, Redes Sociais, Tecnologia, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 6 de junho de 2019 as 13:43, por: CdB

O programa, apelidado de Google Station, é fruto de uma parceria da gigante norte-americana de tecnologia com os provedores locais de Internet

Por Redação, com Reuters – de São Paulo

O Google Brasil anunciou nesta quinta-feira a implementação de 80 pontos de acesso banda larga sem fio à Internet em espaços públicos na cidade de São Paulo, incluindo 17 estações da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).

O Google Brasil anunciou nesta quinta-feira a implementação de 80 pontos de acesso banda larga sem fio à Internet

O programa, apelidado de Google Station, é fruto de uma parceria da gigante norte-americana de tecnologia com os provedores locais de Internet America Net e Linktel, destacou Fábio Coelho, presidente do Google no Brasil durante evento na capital paulista.

– São mais de 1 mil hotspots no mundo inteiro e no Brasil começamos com 80 pontos ativos em São Paulo – afirmou o executivo.

– Até o fim de 2020 queremos que milhões de brasileiros tenham acesso gratuito à internet pelo Google Station – completou Coelho, sem fornecer uma projeção do total de estações planejadas para o Brasil neste período.

Segundo ele, o WiFi do Google Station permitirá aos usuários assistir vídeos em alta resolução sem interrupção. O Brasil é o oitavo país do mundo em que a iniciativa é implementada, de acordo com a companhia.

O Google Station já conta com mais de 10 milhões de usuários ativos em todos os países em que foi introduzido. A plataforma foi lançada em 2016, na Índia.

Looker

O Google, da Alphabet, anunciou nesta quinta-feira que vai comprar a Looker, uma empresa de análise de big data, por US$ 2,6 bilhões em dinheiro, na primeira grande aquisição para o novo vice-presidente da nuvem do Google, Thomas Kurian.

O acordo se baseia em uma parceria existente em que as duas empresas compartilham mais de 350 clientes, incluindo o BuzzFeed, Hearst e Yahoo, disse o Google em comunicado.

O Looker fornece uma ferramenta de visualização que ajuda os clientes a identificar tendências e extrair outras informações de seus dados. Ela concorre com ferramentas como o Tableau e o Power BI da Microsoft.

– Esta é uma verdadeira ferramenta de visualização integrada para nuvem e sinaliza que o Google Cloud leva a sério as aquisições – disse Ray Wang, analista do setor de nuvem da Constellation Research.

Loggi

A companhia de entrega urbana de encomendas Loggi recebeu aporte de US$ 150 milhões em uma rodada de investimentos conduzida por SoftBank, Microsoft, GGV, Fifth Wall e Velt Partners, que fez a empresa ser avaliada em US$ 1 bilhão.

A empresa afirma que faz atualmente 100 mil entregas diárias e a meta é realizar 5 milhões por dia nos próximos cinco anos. “A expectativa da Loggi é conectar 100% dos brasileiros até 2020”, afirmou a companhia sem dar detalhes.

Segundo a companhia, o investimento será direcionado para expansão territorial da Loggi por meio de centros de expedições urbanos espalhados pelo país e aumento da malha logística, incluindo o transporte aéreo.

A Loggi também usará os recursos para montar “uma equipe com mais de mil desenvolvedores de tecnologia… em condições competitivas com os principais centros tecnológicos do mundo, como o Vale do Silício, nos Estados Unidos”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *