Guarda municipal resgata cachorro que caiu no Rio Maracanã

Arquivado em: Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 28 de agosto de 2019 as 14:19, por: CdB

A equipe passava pelo local para montagem da faixa reversível da Avenida Radial Oeste, quando recebeu pedido de ajuda de um homem que viu o animal dentro do rio.

Por Redação, com ACS – de Rio de Janeiro

O guarda municipal Gilberto Júnior, do Grupamento Especial de Trânsito da Zona Norte (GET-Norte), resgatou na manhã desta quarta-feira, um cachorro que caiu no Rio Maracanã, na altura da estátua do Belini, em frente ao Estádio do Maracanã.

O guarda municipal se aproxima do cão que caiu dentro do Rio Maracanã para fazer o resgate

A equipe passava pelo local para montagem da faixa reversível da Avenida Radial Oeste, por volta das 6h40, quando recebeu pedido de ajuda de um homem que viu o animal dentro do rio. Os guardas pararam a viatura, e Gilberto entrou no rio para resgatar o cachorro.

– Quando recebemos o chamado, vi que poderia entrar no rio para retirar o cão. A água estava bem gelada, e ele estava com frio. Percebi pela altura que ele não conseguiria sair de lá sozinho. Minha intenção foi ajudar mesmo. No início, ele ficou rosnando para mim, assustado. Em seguida, foi deixando eu chegar mais perto, e consegui retirá-lo de lá – afirmou Gilberto, que disse gostar muito de cachorros.

Após o resgate, os guardas atuaram em outra ocorrência. Ainda na manhã desta quarta-feira, a equipe participou do atendimento a um idoso na Avenida 28 de Setembro, em Vila Isabel. O homem passou mal por volta das 7h30, em frente a um ponto de ônibus. Os guardas fizeram o primeiro atendimento e acionaram o socorro especializado do Corpo de Bombeiros.

Gambá

Equipes da Prefeitura do Rio ajudaram a salvar um gambá que estava preso em uma árvore na tarde de terça-feira, na Quinta da Boa Vista, em São Cristóvão, Zona Norte do Rio. Guardas municipais, que atuam no recém-lançado serviço de patrulhamento com bicicletas do parque, viram o animal preso e acionaram apoio de técnicos do RioZoo para retirá-lo. O gambá foi retirado em cerca de 15 minutos e solto no próprio parque, sem ferimentos.

Na noite de segunda-feira, dia 22, uma equipe da Patrulha Ambiental da Prefeitura do Rio resgatou também um gambá que estava dentro de uma residência na Rua Rômulo de Almeida, no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste da cidade.

A equipe foi acionada após receber a solicitação pela Central 1746. O animal estava atrás de um móvel e os agentes ambientais precisaram usar equipamento para retirá-lo do local sem provocar ferimentos.

Como estava saudável, o gambá foi levado para o Parque Natural Municipal de Marapendi. A Patrulha Ambiental é formada por fiscais da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e guardas municipais do Grupamento de Defesa Ambiental.

A Prefeitura do Rio orienta a população a acionar a Patrulha Ambiental ao flagrar animais silvestres em área urbana ou em qualquer situação de risco fora do seu habitat para um resgate seguro.

O manuseio não é aconselhável e muito menos tentar afugentá-los, pois pode agravar qualquer lesão que os animais apresentarem. Os agentes podem ser acionados por meio do telefone 1746, que funciona 24h.