Hugo Lloris é detido em Londres por dirigir embriagado

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 24 de agosto de 2018 as 14:02, por: CdB

O goleiro francês chegou ao Tottenham em 2012 vindo do Lyon, e em seis anos na Inglaterra atuou em 256 jogos pelos ‘Spurs

Por Redação, com EFE – de Londres

O goleiro Hugo Lloris, capitão do Tottenham e da seleção francesa, foi detido na madrugada desta sexta-feira em Londres por dirigir embriagado, após fazer o teste de alcoolemia.

O goleiro Hugo Lloris, capitão do Tottenham e da seleção francesa

Lloris, de 31 anos, que no mês passado levantou em Moscou a taça da Copa do Mundo pela seleção da França, foi detido às 2h20 da madrugada (horário local, 22h20 de quinta-feira em Brasília) pela polícia na região de Marylebone, no centro da capital britânica, e levado à delegacia de Charing Cross, antes de ser liberado pagando uma fiança.

– Um homem foi detido e acusado depois de fazer um teste rotineiro de alcoolemia em Gloucester Place. Hugo Lloris, de 31 anos, com residência em East Finchley, foi acusado de dirigir sob os efeitos do álcool na sexta-feira, 24 de agosto – informou um porta-voz da Scotland Yard.

– Foi posto em liberdade pagando uma fiança e deverá comparecer à Corte de Magistrados de Westminster na terça-feira, 11 de setembro – acrescentou o porta-voz.

O goleiro francês chegou ao Tottenham em 2012 vindo do Lyon, e em seis anos na Inglaterra atuou em 256 jogos pelos ‘Spurs’.

A equipe comandada pelo técnico Mauricio Pochettino visita na próxima segunda-feira o estádio de Old Trafford para enfrentar na terceira rodada da Campeonato Inglês com o Manchester United.

Vidal provoca Real

Com as últimas eliminações do Bayern de Munique na Liga dos Campeões ainda entaladas na garganta, o meia Arturo Vidal, atualmente no Barcelona, afirmou que se o sistema de abritragem de vídeo (VAR) tivesse sido usado nas duas últimas edições do torneio, o time alemão teria conquistado os títulos de ambas.

De quebra, a declaração em entrevista ao jornal catalão “Mundo Deportivo” foi uma provocação ao Real Madrid, campeão nas duas ocasiões e arquirrival da atual equipe do chileno.

– Com o VAR, o Bayern teria duas Champions a mais, e o Real Madrid, duas a menos – disse.

Na entrevista, Vidal mostrou-se ambicioso em ganhar todos os títulos possíveis com a camisa do Barcelona nesta temporada, mas ressaltou o troféu continental como principal meta.

– Quero ganhar tudo, porque há títulos novos para mim, mas meu sonho é ganhar a Champions – frisou.

O chileno destacou ter se impressionado com o talento de Lionel Messi no dia a dia de treinos, já que antes só o admirava como adversário.

– Quando você treina com ele a cada dia, vê que é coisa de louco – afirmou.

Perguntado sobre como pode melhor contribuir com o Barcelona, já que tem características diferentes das de meias que fizeram história no clube, como Xavi e Iniesta, Vidal ressaltou o seu caráter competitivo.

– A concorrência (pela titularidade)? Não temo ninguém, e menos quando concorro com meus companheiros ou contra outras equipes – disse Vidal, que também negou ser brigão, apesar da fama fora dos gramados.

– Tive dois problemas no Chile pelos quais me desculpei e claramente me equivoquei, mas conflituoso não sou. Quem me conhece sabe que sou alegre, muito tranquilo e que gosto de aproveitar o tempo com meus amigos e minha família – afirmou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *