IBGE: vacinação é fundamental para retomada dos serviços

Arquivado em: Comércio, Indústria, Negócios, Serviços, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 11 de fevereiro de 2021 as 17:30, por: CdB

A queda histórica no setor, de 7,8% em 2020, coincide com o novo agravamento da pandemia no Brasil, que passou a registrar aumento no número de mortes por covid-19 e de casos confirmados da doença. Os dados constam da Pesquisa Mensal de Serviços do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Por Redação – do Rio de Janeiro

O medo do contágio pela covid-19 e a restrição de funcionamento de diversos segmentos de serviços são os principais entraves para o setor voltar a seu pleno funcionamento. Esta é a avaliação do gerente da Pesquisa Mensal de Serviços do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Rodrigo Lobo. Ele afirmou a jornalistas, nesta quinta-feira, que a recuperação do setor depende da vacinação em massa da população brasileira.

Infectologista diz que não é possível estabelecer datas da vacinação contra a covid-19 no Brasil
Infectologista diz que não é possível estabelecer datas da vacinação contra a covid-19 no Brasil, devido à falta do imunizante

— Para além de qualquer medida que o governo ou as empresas possam adotar para avançar o setor, nada vai ser mais importante que uma vacinação em massa da população. É impossível dissociar uma recuperação dos serviços da questão sanitária no país — disse Lobo.

Atividades

A queda histórica no setor, de 7,8% em 2020, coincide com o novo agravamento da pandemia no Brasil, que passou a registrar aumento no número de mortes por covid-19 e de casos confirmados da doença.

— O que a gente percebe claramente é que o ritmo mais lento do setor de serviços, frente às demais atividades econômicas, se deve ao receio de contágio e a restrição de funcionamento do setor — resumiu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code