Ídolo do boxe mundial, Éder Jofre morre aos 86 anos 

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Esportes Olímpicos, Últimas Notícias
Publicado domingo, 2 de outubro de 2022 as 11:01, por: CdB

Paulistano, Jofre foi considerado um dos maiores boxeadores da história e o primeiro brasileiro a conquistar um cinturão de relevância em nível mundial. O Galinho de Ouro, como era conhecido, foi campeão mundial do peso galo de 1960 a 1965; e, em 1973, faturou ainda o cinturão mundial do peso pena.

Por Redação, com ABr – de São Paulo

Éder Jofre morreu neste domingo em São Paulo. O boxeador tinha 86 anos e estava internado desde março com pneumonia e faleceu em decorrência de complicações da doença. Ele também sofria de encefalopatia traumática crônica. Conhecida como demência pugilística, a doença foi dignosticada em 2015.

Ele foi tricampeão mundial e um dos maiores da história da modalidade

Paulistano, Jofre foi considerado um dos maiores boxeadores da história e o primeiro brasileiro a conquistar um cinturão de relevância em nível mundial.

Galinho de Ouro

O Galinho de Ouro, como era conhecido, foi campeão mundial do peso galo de 1960 a 1965; e, em 1973, faturou ainda o cinturão mundial do peso pena. Teve um cartel de 81 lutas, sendo 75 vitórias (52 por nocaute), quatro empates e duas derrotas.

Ele entrou em 2021 para o Hall da Fama do Boxe da Costa Oeste dos Estados Unidos. Até o momento, não foram divulgados detalhes sobre o velório. Mas, o corpo do campeão será cremado no Crematório da Vila Alpina, em São Paulo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *