Incêndio no centro de treinamento do Flamengo deixa mortos e feridos

Arquivado em: Manchete, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019 as 10:03, por: CdB

Equipes dos bombeiros trabalharam no local, conhecido como Ninho do Urubu, que fica no bairro da Vargem Grande. As chamas atingiram principalmente os alojamentos onde dormiam os jogadores de base do time.

Por Redação, com ABr – do Rio de Janeiro

Um incêndio em um alojamento de jogadores das divisões de base do Flamengo deixou 10 mortos no centro de treinamento do clube em Vargem Grande, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, nesta sexta-feira, informou o Corpo de Bombeiros.

A área onde o Flamengo construiu o alojamento de suas categorias de base, destruído em um incêndio de grandes proporções, tinha permissão da prefeitura para funcionar apenas como estacionamento. Segundo a Prefeitura do Rio, em nota, “no projeto protocolado, a área esta descrita como um estacionamento. Não há registros de novo pedido de licenciamento da área para uso como dormitórios”.

Incêndio no centro de treinamento do Flamengo deixa dez mortos

– Eram garotos da base do Flamengo que dormiam no alojamento naquele momento – disse o tenente-coronel Douglas Henaut em entrevista à Globonews.

Segundo Henaut, os bombeiros foram acionados por volta das 5h15 da manhã, mas ainda não se sabe o horário de início ou o motivo do fogo.

O centro de treinamento George Helal, conhecido como Ninho do Urubu, é utilizado tanto pelas divisões de base do clube para alojamento e treinamentos como para atividades do time profissional.

Além dos 10 mortos, outras três pessoas ficaram feridas, uma delas em estado grave, e foram encaminhadas para um hospital da região, de acordo com os bombeiros.

O Flamengo não se manifestou de imediato em suas redes sociais ou no site oficial do clube sobre a tragédia.

Rivais do time carioca, como Fluminense e Botafogo, lamentaram o ocorrido.

– O Fluminense Football Club lamenta profundamente o incêndio ocorrido no Ninho do Urubu e se solidariza com a dor do Clube de Regatas do Flamengo. Nossos pensamentos estão com as vítimas e seus familiares – disse o Fluminense no Twitter.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *