Investimento em baixa: redes sociais pagam por próprios erros

Arquivado em: Coluna da TV, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 20 de fevereiro de 2018 as 09:12, por: CdB

Cabe unicamente às redes sociais, Facebook e companhia bela investirem no desenvolvimento de mecanismos de defesa para uma situação completamente fora de controle, que agora acaba por se voltar contra elas

Por Flávio Ricco – do Rio de Janeiro

Colaboração – José Carlos Nery

Grandes anunciantes estão ameaçando deixar de investir nas redes sociais, especialmente Facebook, devido à disseminação totalmente fora de controle de notícias falsas.

Investimento em baixa: redes sociais pagam por próprios erros

Por extensão, ou consequência da mesma causa, o número de usuários também começa a ser afetado nos mais diferentes lugares do mundo, a ponto de se considerar como debandada, por exemplo, a quantidade de pessoas que deixou a rede social nos Estados Unidos. Segundo estimativas, só lá, 2,8 milhões, entre os tantos, jovens com menos de 26 anos.

Estava meio na cara que, um dia, do jeito que vinha, isso iria a acontecer. Há uma indústria, já de tempos, aqui e em outros lugares, sempre com terceiras intenções, trabalhando em espalhar fatos ou casos que não existem.

Cabe unicamente às redes sociais, Facebook e companhia bela investirem no desenvolvimento de mecanismos de defesa para uma situação completamente fora de controle, que agora acaba por se voltar contra elas.

Quanto aos anunciantes, a tendência é que passem a investir ainda mais na segurança dos meios tradicionais, entre os principais, as mídias impressa e televisiva, além dos grandes portais.  

TV Tudo

De um lado…

Andresa Boni, para todos os efeitos, está desde de segunda-feira como interina na apresentação do Jornal da Cultura.

Foi ela a escolhida para substituir Willian Corrêa, que deixou a emissora rumo a Angola.

… E de outro

Em setores da Cultura, desde a semana passada, passou a ser muito comentada uma possível volta de Milton Jung ao comando do jornal.

Possibilidade, aliás, vista com muita simpatia. No caso dele, retornar ao posto que já ocupou no passado ao lado de Valéria Grillo.

A conferir

Ainda dos interiores da Cultura, mais uma: fala-se em uma mudança de cadeiras para muito breve. A um mês e meio de assumir o cargo de governador de São Paulo, Márcio França (PSB), atual vice de Geraldo Alckmin (PSDB), já estaria projetando alterações em alguns quadros.

Tudo, claro, com a provável desincompatibilização do tucano no dia 7 de abril para a disputa presidencial.

Quebrando tudo

Roger Federer não é só um fenômeno nas quadras, alguém que aos 36 anos consegue novamente chegar ao topo do tênis mundial.

Ele também passou a ser responsável por quebrar qualquer planejamento de grade das TVs, ao disputar e vencer finais de torneios em jogos com menos de 55 minutos de duração.

No plano

O Fox Sports tem em vista lançar um programa nas noites de segunda-feira para concorrer com o Bem, Amigos!, do SporTV, e Linha de Passe, da ESPN. Apresentação do Benjamin Back.

Além de receber convidados, espaço também para o humor. O imitador Rudy Landucci está sendo contratado.

Deus sabe o que faz

Galvão Bueno é narrador da Globo e Neto comentarista esportivo na Bandeirantes. Um longe do outro, separados desde o nascimento.

Alguém já imaginou os dois num lugar só, trabalhando na mesma transmissão

Primeira mudança

A partir da segunda que vem, 26, agora já sob o comando definitivo de Regina Volpato, o Mulheres, da Gazeta, vai apresentar seus novos cenários.

É só o começo de uma série de mudanças que o programa vai sofrer.

Registro

Em nota, o Kantar IBOPE Media, informa que aumentou em seis minutos o tempo que o telespectador consumiu conteúdo de TV no último ano.

Das 6h17 em 2016, aumentou para 6h23 em 2017, de acordo com estudo nas 15 regiões aferidas regularmente pela empresa no país.

Calma aí

Depois da produção do Geraldo Luis, acredite, tem gente na Record fazendo contas em relação ao já diminuto departamento de esportes.

Mas sempre é bom lembrar a esse pessoal da tesoura que existe um Pan Pan-Americano pela frente, em 2019. 

Passou batida

Os ajustes no roteiro de Deus Salve o Rei, segundo sua equipe, “são pontuais”. A história, portanto, segue a mesma.

Dito isto, data deste terça-feira, não existe o risco de a participação da Paula Fernandes ser cancelada. Ela continua nos planos para viver Paulina, uma noviça que tem medo de cantar no convento. Vai estrear entre os capítulos 80 e 90.

Rivais 

Em Orgulho e Paixão, substituta de Tempo de Amar, na Globo, Susana (Alessandra Negrini) fará de tudo para atrapalhar os caminhos de Elisabeta (Nathalia Dill). Donas de personalidades fortes, porém bem distintas, a briga das duas promete; em especial, por causa de Darcy (Thiago Lacerda).

Bate – Rebate

·       Programa da Sabrina, em novo horário, faixa das 22 horas, na Grande SP, observou 30% de crescimento na audiência em sua exibição no sábado…

·       … Vale considerar também que as atrações convidadas também contribuíram para fazer a diferença.

·       Desde o final do ano passado a Globo Internacional não atualiza sua grade de programação na distribuidora norte-americana Dish…

·       … A grade anunciada tem grandes diferenças em relação ao que está indo ao ar…

·       … A novela Pega Pega, por exemplo, continua constando como uma das atrações, mas a sua exibição se encerrou no ano passado…

·       … Quanto a este aspecto, Band Internacional, BandNews e Record Internacional estão muito mais na linha.

·       A obrigatoriedade que passou a existir está conseguindo vulgarizar a execução do Hino Nacional…

·       … Nos campos esportivos, especialmente futebol, é uma vergonha o que acontece…

·       … Evidente que existe falta de educação no meio disso, mas em muitos desses locais não existem condições ideais para a sua execução.

C´est fini

Aguinaldo Silva tem o maior interesse em Renata Sorrah para o elenco de O Sétimo Guardião, mas trata-se de um assunto ainda não inteiramente fechado.

O desafio é encontrar uma maneira de enfiar a Nazaré no contexto.

 

Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!