Irã ameaça dar ‘passo mais firme’ para se distanciar de acordo nuclear

Arquivado em: América do Norte, Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 2 de setembro de 2019 as 10:42, por: CdB

A República Islâmica disse que violará um por um os limites impostos pelo acordo às suas atividades nucleares, aumentando a pressão sobre os países que ainda esperam salvá-lo.

Por Redação, com Reuters – de Dubai

O Irã está preparado para dar um “passo mais firme” na redução dos compromissos com o acordo nuclear de 2015 com potências mundiais se países europeus não agirem para salvar o pacto, disse o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores nesta segunda-feira.

Irã ameaça dar “passo mais firme” para se distanciar de acordo nuclear se Europa não agir

A República Islâmica disse que violará um por um os limites impostos pelo acordo às suas atividades nucleares, aumentando a pressão sobre os países que ainda esperam salvá-lo, e ameaçou adotar novas medidas até 6 de setembro, como um enriquecimento de urânio de 20% ou a reativação de centrífugas que o realizam.

– O Irã está preparado para reduzir seus compromissos se as partes europeias não mostrarem determinação suficiente… o terceiro passo foi concebido e será mais firme que o primeiro e segundo passos para criar equilíbrio entre os direitos do Irã e os compromissos com o JCPOA – disse o porta-voz Abbas Mousavi, segundo a agência estatal de notícias Irna, usando a sigla do acordo nuclear.

O vice-chanceler iraniano, Abbas Araghchi, está a caminho de Paris para conversar com autoridades francesas sobre o pacto.

A respeito do acordo

Também nesta segunda-feira, o porta-voz do governo do Irã disse que as opiniões de sua nação e da França a respeito do acordo se aproximaram, sobretudo depois de telefonemas entre o presidente Hassan Rouhani e seu colega francês, Emmanuel Macron.

– Felizmente, os pontos de vista se aproximaram em muitas questões, e agora estão sendo realizadas discussões técnicas sobre maneiras de cumprir os compromissos europeus (com o acordo nuclear) – disse o porta-voz Ali Rabiei em comentários transmitidos pela televisão estatal, sem entrar em detalhes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *