Irã concorda com envio para Ucrânia de caixas pretas do avião abatido

Arquivado em: Ásia, Destaque do Dia, Mundo, Oriente Médio, Últimas Notícias
Publicado sábado, 18 de janeiro de 2020 as 17:21, por: CdB

Todas as 176 pessoas a bordo do avião morreram quando o voo da Ukrainian International Airlines foi derrubado, em 8 de janeiro, após sair de Teerã em direção à capital ucraniana Kiev.

 

Por Redação, com Irna – de Teerã

 

O governo do Irã concordou em encaminhar à Ucrânia as caixas pretas do avião ucraniano que seu exército acidentalmente derrubou neste mês, informou a agência de notícias Tasnim, neste sábado. As autoridades iranianas também estão preparadas para que especialistas de França, Canadá e Estados Unidos examinem os dados das caixas, disse a agência de notícias semi-oficial.

Técnico manipula uma das caixas pretas resgatadas após o incidente que derrubou um avião ucraniano de passageiros, em Teerã
Técnico manipula uma das caixas pretas resgatadas após o incidente que derrubou um avião ucraniano de passageiros, em Teerã

Todas as 176 pessoas a bordo do avião morreram quando o voo da Ukrainian International Airlines foi derrubado, em 8 de janeiro, após sair de Teerã em direção à capital ucraniana Kiev.

— Com o uso da expertise de países como França, Canadá e EUA, tentaremos ler (os dados registrados do voo) em Kiev. Se essa tentativa não for bem sucedida, a caixa preta será enviada à França. As caixas pretas não serão lidas no Irã — disse Hassan Rezaifar, diretor no comando das investigações do acidente pela Organização de Aviação Civil do Irã, segundo a agência iraniana de notícias Tasnim.

Cinquenta e sete dos mortos eram canadenses. O primeiro-ministro Justin Trudeau, que estava pressionando por uma investigação completa sobre a queda do avião, disse na sexta-feira que o Irã deveria enviar as caixas pretas para a França para análise

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *