Itália tem alta em mortes, mas vê estabilização em novos casos

Arquivado em: Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 2 de abril de 2020 as 14:45, por: CdB

O número de mortes de um surto de coronavírus na Itália subiu em 760, para 13.915, disse a Agência de Proteção Civil nesta quinta-feira, um pouco acima dos 727 óbitos registrados na véspera.

Por Redação, com Reuters – de Roma

O número de mortes de um surto de coronavírus na Itália subiu em 760, para 13.915, disse a Agência de Proteção Civil nesta quinta-feira, um pouco acima dos 727 óbitos registrados na véspera.

Pessoal médico transporta paciente em sua de Nápoles
Pessoal médico transporta paciente em sua de Nápoles

O número de novos casos se manteve estável, crescendo 4.668 em relação aos 4.782 anteriores, elevando o número total de infecções desde o surgimento do surto no país, em 21 de fevereiro, para 115.242.

Covid-19

A quinta-feira foi o quarto dia consecutivo em que o número de novos casos permaneceu dentro de uma faixa de 4.050 a 4.782, parecendo confirmar as esperanças do governo de que a epidemia tenha atingido um platô, antes de um declínio esperado no futuro próximo.

A Itália atingiu um pico diário de 6.557 novos casos em 21 de março.

Infectados em todo o país

Dos originalmente infectados em todo o país, cerca de 18.278 haviam se recuperado totalmente na quinta-feira, em comparação com 16.847 no dia anterior. Havia 4.053 pessoas em terapia intensiva, acima das 4.035 anteriores.

A Itália registrou mais mortes do que qualquer outro lugar do mundo e responde por cerca de 28% de todas as mortes globais em decorrência do coronavírus.

Na Lombardia, o epicentro do surto no país, o número diário de mortes e casos diminuiu em comparação com os do dia anterior, chegando a 367 e 1.292, respectivamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *