Japão mantém soldados por mais um anos no Iraque

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado quarta-feira, 10 de novembro de 2004 as 07:49, por: CdB

O jornal consevador japonês <i>Yomiuri Shimbun</i> informou que a coalizão no poder no Japão decidiu prolongar em mais um ano a missão dos soldados japoneses enviados ao sul do Iraque.

Segundo o jornal, o Partido Liberal Democrata (PLD) do primeiro-ministro conservador Junichiru Koizumi convenceu seu aliado na base governamental, o pequeno mas influente partido budista Novo Komeito, a prolongar a missão japonesa, que terminaria no dia 14 de dezembro.

Um total de 550 soldados japoneses participam, desde fevereiro, de operações de reconstrução em Samawa, cidade xiita do sudeste do Iraque, no primeiro deslocamento militar japonês a um cenário de guerra desde 1945.