Joan Laporta quer retorno de Guardiola se for eleito presidente do Barcelona

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 12 de maio de 2020 as 13:40, por: CdB

Joan Laporta disse que buscará trazer o ex-técnico Pep Guardiola de volta ao Barcelona se sua tentativa de retornar como presidente do clube em 2021 for bem-sucedida, informou a mídia espanhola.

Por Redação, com Reuters – de Barcelona/Zurique

Joan Laporta disse que buscará trazer o ex-técnico Pep Guardiola de volta ao Barcelona se sua tentativa de retornar como presidente do clube em 2021 for bem-sucedida, informou a mídia espanhola.

Ex-técnico do Barcelona Pep Guardiola
Ex-técnico do Barcelona Pep Guardiola

Laporta foi presidente do Barcelona de 2003 a 2010 e estava no comando quando Guardiola foi promovido da equipe juvenil a técnico do time principal em 2008.

Guardiola está sob contrato no Manchester City até junho de 2021, mas seu futuro está em dúvida depois que a Uefa impôs ao clube inglês uma proibição de dois anos de disputar competições europeias por violar as regras do Financial Fair Play. O City recorreu da decisão.

– Estou trabalhando para me apresentar como candidato à presidência. Já fui presidente e estou animado para voltar – afirmou Laporta, segundo a emissora catalã TV3.

– Gostaria muito que Guardiola voltasse, mas agora ele está no City e é uma decisão que Pep deve tomar. Ele é uma referência para o Barcelona e muitos catalães gostariam que ele treinasse o Barça novamente.

– No momento certo, falarei com a pessoa que acreditamos que deveria ser técnico do Barça a partir de 2021 – completou.

O Barcelona ganhou 14 troféus, incluindo três títulos do Campeonato Espanhol e a Liga dos Campeões por duas vezes, durante a passagem de Guardiola, antes de sua saída em 2012.

O futebol espanhol está atualmente suspenso devido à pandemia de covid-19, mas o Barcelona está em turbulência desde que seis diretores renunciaram em abril em protesto contra a forma como o clube estava sendo administrado.

Fifa

A Copa do Mundo sub-20 de futebol feminino na Costa Rica e no Panamá, adiada de agosto e setembro devido à pandemia de covid-19, foi agendada para 20 de janeiro a 6 de fevereiro do próximo ano, informou a Fifa nesta terça-feira.

A Copa do Mundo sub-17 feminina na Índia, originalmente planejada para novembro, também foi remarcada, para 17 de fevereiro a 7 de março de 2021.

As datas foram confirmadas levando em consideração o tempo necessário para concluir os torneios de qualificação.

A Fifa também confirmou que a Copa do Mundo de Futsal, originalmente marcada para setembro-outubro deste ano na Lituânia, foi adiada para 12 de setembro a 3 de outubro de 2021.

Enquanto isso, o 70º Congresso da Fifa, que deveria ocorrer em Adis Abeba, será realizado online no dia 18 de setembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *