Joe Biden conquista apoio de Hillary Clinton

Arquivado em: América do Norte, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 29 de abril de 2020 as 14:28, por: CdB

O provável candidato presidencial democrata dos Estados Unidos Joe Biden recebeu uma declaração de apoio de Hillary Clinton para o cargo que ela quase conquistou em 2016.

Por Redação, com Reuters – de Nova York

O provável candidato presidencial democrata dos Estados Unidos Joe Biden recebeu na terça-feira uma declaração de apoio de Hillary Clinton para o cargo que ela quase conquistou em 2016, quando tentou se tornar a primeira mulher a ser eleita presidente dos Estados Unidos.

Joe Biden recebeu uma declaração de apoio de Hillary Clinton
Joe Biden recebeu uma declaração de apoio de Hillary Clinton

O endosso, feito durante um comício virtual sobre os efeitos da crise do coronavírus nas mulheres, chegou em um momento crítico, já que Biden almeja melhorar seu perfil junto às mulheres e outros grupos demográficos cruciais do eleitorado enquanto a pandemia devasta a economia norte-americana.

Hillary, que foi secretária de Estado, senadora de Nova York e primeira-dama, sofreu ume derrota surpreendente na eleição presidencial de 2016 para o republicano Donald Trump, apesar de vencer o voto popular.

Ela também perdeu a disputa pela indicação democrata de 2008 para Barack Obama, que Biden serviu como vice-presidente.

Eleição

Biden, que prometeu escolher uma mulher como vice de chapa neste ano, apresentou Hillary no evento como a pessoa que deveria ser presidente no momento.

Ela disse ao correligionário: “Estou empolgada por fazer parte de sua campanha não somente para apoiá-lo, mas para ajudar a ressaltar uma série de questões que estão em jogo nesta eleição presidencial”.

A derrota de Hillary quatro anos atrás continua causando raiva e consternação entre os liberais, inclusive alguns que se perguntam se escolheram o nome certo.

Em um comunicado em que reagiu ao endosso, o gerente de campanha de Trump, Brad Parscale, disse: “Não existe maior concentração de establishment democrata do que Joe Biden e Hillary Clinton juntos”.

“O presidente Trump a derrotou uma vez, e agora derrotará o candidato de sua escolha”, acrescentou o comunicado.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *