Kirchner recusa `alinhamento automático´da Argentina com EUA

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado sábado, 7 de junho de 2003 as 19:08, por: CdB

O presidente argentino Néstor Kirchner garantiu, neste sábado, que seu governo recusa um “alinhamento automático” da Argentina com os Estados Unidos.

Kirchner diz isso ao comentar sobre a visita do secretário americano, Colin Powell, na próxima terça-feira ao país.

– Temos que ver o que ele vem conversar, receberemos a todos, escutaremos com atenção e lhe diremos o que pensamos – afirmou.

Antes de ir à Argentina, Powell estará no Chile para participar de uma reunião da Organização de Estados Americanos (OEA) e se reunir com o presidente Ricardo Lagos em santiago.

O departamento de Estado americano, depois de confirmar a visita de Powell aos dois países, comentou a intenção do país.

– Discutirá temas bilaterais e regionais importantes com os líderes destas duas importantes nações (Chile e Argentina), sócias no hemisfério, e a promoção da governabilidade democrática com seus colegas da OEA – disse.