Lionel Messi não comparece a julgamento sobre contrato firmado pelo pai

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 13 de novembro de 2018 as 12:52, por: CdB

A denúncia contra o jogador é por um suposto contrato de trabalho firmado pelo pai dele, com uma construtora sediada na Espanha, no início da carreira do filho.

Por Redação, com EFE – de Barcelona

O atacante argentino Lionel Messi, do Barcelona, não compareceu a julgamento realizado na cidade de Girona, na Espanha, sobre um contrato assinado pelo pai do jogador, para regularizar a residência no país europeu.

O atacante argentino Lionel Messi

Segundo o Superior Tribunal de Justiça da Catalunha, o craque deveria se apresentar para a audiência às 10h (7h de Brasília), o que não aconteceu. Como, no mesmo momento, foi iniciada pelos funcionários da administração judicial local, o que provocou a suspensão temporária da sessão.

Caso Messi decida participar ainda nesta terça-feira do julgamento, será ouvido, devido a interrupção. Se o atacante do Barcelona não comparecer, de maneira definitiva, outras testemunhas serão ouvidas.

A denúncia contra o jogador é por um suposto contrato de trabalho firmado pelo pai dele, com uma construtora sediada na Espanha, no início da carreira do filho. O acordo contemplava uma recompensa se o agora camisa 10 fosse integrado ao time profissional do Barcelona.

O julgamento, inicialmente, foi marcado para o dia 22 de maio deste ano, mas, acabou adiado para esta terça-feira, também devido ausência de Messi.

Diego Costa sofre lesão

O atacante Diego Costa, do Atlético de Madrid, sofreu uma lesão no pé, motivo pelo qual não participou do treino desta terça-feira, segundo anunciou o departamento médico do clube em comunicado.

Diego Costa fará um “treinamento alternativo” combinado com tratamento médico e fisioterapia. Com isso, o brasileiro naturalizado espanhol fica “pendente de evolução”.

O jogador, que disputou apenas o primeiro tempo da vitória por 3 a 2 sobre o Athletic Bilbao no último sábado, voltou a atuar depois de problemas musculares que o impossibilitaram de enfrentar Leganés e Borussia Dortmund na semana anterior.

O Atlético de Madrid tem cinco lesionados neste momento: Diego Costa e os defensores Diego Godín, José María Giménez, Stefan Savic e Lucas Hernández. Koke e Thomas Lemar foram reintegrados ao grupo nesta terça-feira, mas ainda sem alta médica.

Federação pedirá explicações a Guardiola

A Federação Inglesa de Futebol (FA) pedirá explicações ao técnico do Manchester City, Josep Guardiola, pelos comentários que fez sobre o árbitro Anthony Taylor em entrevista antes do clássico do domingo passado contra o Manchester United, informou na segunda-feira a BBC.

A emissora afirmou que os treinadores não devem falar sobre os árbitros antes das partidas da Premier League, mas Guardiola citou Taylor.

– Ele vai tentar fazer o seu trabalho o melhor possível, assim como os tecnicos e os jogadores. O senhor Taylor vai tentar fazer uma boa partida. O importante é nos concentrarmos no nosso jogo, conhecendo quem vamos enfrentar, isso é tudo – disse o espanhol.

– Com sorte, (Taylor) tomará boas decisões para ambos os lados e será uma boa partida. Toda a Inglaterra e a Europa estarão nos assistindo – acrescentou.

Por conta dessas declarações, Guardiola terá que responder à FA até a próxima quinta-feira, segundo a BBC. O Manchester City venceu o United por 3 a 1 e se manteve na liderança do Campeonato Inglês.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *