Luis Suárez diz que VAR atrapalha andamento do jogo

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 5 de setembro de 2018 as 11:43, por: CdB

 

Por Redação, com Reuters – de Barcelona

O atacante Luis Suárez, do Barcelona, criticou a adoção do árbitro de vídeo (VAR) na Espanha nesta temporada, dizendo que o sistema atrapalha o andamento natural do jogo e que preferiria a implantação da tecnologia da linha do gol.

Luis Suárez, atacante do Barcelona

Suárez marcou um gol na vitória de 8 a 2 do Barça sobre o Huesca no domingo que inicialmente foi anulado por impedimento, mas confirmado mais tarde após a consulta ao VAR, o que não convenceu o uruguaio a respeito do sistema.

– O VAR reprime as comemorações – disse Suárez em uma entrevista à rádio RAC1 nesta quarta-feira. “Agora os zagueiros estão pedindo algo o tempo todo. Eu preferia ter só a tecnologia da linha do gol. Com o VAR o jogo pode perder naturalidade”, acrescentou.

– Talvez uma jogada comece com um toque de mão involuntário, você contra-ataca e marca, depois eles reveem a jogada e a anulam.

A Espanha se uniu às ligas italiana e alemã ao implantar o VAR depois de dispensar o uso da tecnologia na última temporada, quando Suárez teve um gol contra o Valencia anulado apesar de a televisão mostrar a bola cruzando a linha do gol claramente.

O Campeonato Inglês usa a tecnologia da linha do gol desde 2013, mas ainda não adotou o VAR, visto por muitos como um sucesso na Copa do Mundo deste ano.

Pekerman deixa cargo de técnico da Colômbia

José Pekerman deixou o cargo de técnico da Colômbia dois meses depois de levá-la às oitavas de final da Copa do Mundo na Rússia, informou a Federação Colombiana de Futebol (FCF) na terça-feira.

– Depois de uma reunião com José Nestor Pekerman, o treinador expressou seu desejo de não continuar como líder da equipe nacional – disse a FCF em comunicado.

– Nós da FCF estamos orgulhosos de ter contado com o treinador, que nos qualificou para as Copas do Mundo de 2014 no Brasil e 2018 na Rússia.

Não era esperado que Pekerman, que assumiu em 2012, continuasse depois da campanha na Copa do Mundo, que terminou com uma derrota por pênaltis para a Inglaterra.

Ele agora pode ser um candidato para os cargos vagos no México ou na Argentina, país onde nasceu e cujo time sub-20 levou para Mundiais por três vezes – 1995, 1997 e 2001.

O técnico interino Arturo Reyes comandará a Colômbia em amistosos contra a Venezuela em Miami no dia 7 de setembro e a Argentina em Nova Jersey quatro dias depois.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *