Lula muda agenda devido a manifestação de servidores públicos

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado terça-feira, 10 de junho de 2003 as 19:55, por: CdB

O encontro do presidente Luiz Inácio Lula da Silva com o presidente da Argentina, Néstor Kirchner, marcado para a próxima quarta-feira no Palácio do Itamaraty, foi transferido para o Palácio da Alvorada, devido a manifestação de servidores públicos na Esplanada dos Ministérios, contra alguns pontos da reforma da Previdência.

Segundo o secretário de Imprensa da Presidência da República, Ricardo Kotscho, a transferência do encontro para o Alvorada tem como objetivo garantir a segurança do dois presidentes e dos próprios manifestantes. O governo deseja, segundo Kotscho, que a manifestação ocorra sem incidentes. O secretário de Imprensa informou que toda a programação do encontro de Lula e Kirchner será mantida.

Sobre a reunião do presidente Lula com diversos ministros, que está sendo realizada neste momento no Palácio da Alvorada, Ricardo Kotscho informou que é apenas uma reunião de coordenação de governo, que ocorre semanalmente.

O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, deixou no final da tarde desta terça-feira o Palácio da Alvorada. Os ministros José Dirceu (Casa Civil), Luiz Dulci (Secretaria-Geral), Luiz Gushiken (Secretaria de Comunicação de Governo) e do presidente do PT, José Genoino, continuam na residência oficial do presidente.