Manchester United terá tempos difíceis se não reforçar o elenco, diz Mourinho

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 6 de agosto de 2018 as 11:50, por: CdB

Na Inglaterra a janela de transferência termina em 9 de agosto, um dia antes de o United iniciar sua campanha na liga nacional enfrentando o Leicester City

Por Redação, com Reuters – de Londres

O Manchester United pode passar apuros nesta temporada se não contratar jogadores de qualidade antes do final da janela de transferência, alertou o técnico José Mourinho.

Técnico do Manchester United, José Mourinho

O United tem se mantido relativamente quieto no mercado de transferência, só tendo comprado o meio-campista brasileiro Fred, o zagueiro português Diogo Dalot, de 19 anos, e o goleiro Lee Grant.

– Se não melhorarmos nosso time, será uma temporada difícil para nós – disse Mourinho à MUTV após a derrota de 1 a 0 para o Bayern de Munique no domingo.

– Os outros clubes que competem conosco são muito fortes e já têm times fantásticos. Ou estão investindo pesado, como o Liverpool, que está comprando tudo e todos – acrescentou.

– Meu CEO sabe o que eu quero, e ainda tenho alguns dias para esperar e ver o que acontece.

Na Inglaterra a janela de transferência termina em 9 de agosto, um dia antes de o United iniciar sua campanha na liga nacional enfrentando o Leicester City.

Willian diz estar feliz no Chelsea

O meio-campista Willian, do Chelsea, acabou com as especulações a respeito de uma possível saída do Stamford Bridge dizendo que está feliz no time e não tem intenção de deixá-lo durante a atual janela de transferência.
Reportagens disseram que o jogador da seleção brasileira estava sendo cobiçado por Barcelona e Manchester United desde o rompimento de sua relação com o ex-técnico do Chelsea Antonio Conte perto do final da temporada passada.

O brasileiro, de 29 anos, esclareceu o assunto depois da derrota de 2 x 0 do Chelsea para o Manchester City na Supercopa da Inglaterra, sob o comando do novo treinador, Maurizio Sarri.

– Sempre deixei claro que sempre me senti muito feliz jogando pelo Chelsea. Eu nunca disse que queria deixar o clube – disse Willian a repórteres.

Willian se reapresentou depois do restante do elenco após as férias e só se reuniu aos colegas no campo de treinamento quatro dias antes do confronto da Supercopa da Inglaterra no Estádio de Wembley.

Sarri, ex-técnico do Napoli que substituiu Conte no mês passado, havia dito que não tem problemas com Willian e que quer mantê-lo na equipe agora que está se esforçando para deixar sua marca no time.

– Esta é uma nova era, com um novo técnico, e tive uma boa conversa com ele. Espero que possamos comemorar muitas vitórias – disse Willian.

O Chelsea, que quer ir além da quinta colocação da última temporada do Campeonato Inglês, inicia sua campanha na Liga Inglesa visitando o Huddersfield Town no dia 11 de agosto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *