Mauro Galvão lamenta derrota do Vasco

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado sábado, 22 de novembro de 2003 as 21:54, por: CdB

Após a partida deste sábado, quando o Vasco foi derrotado por 4 a 3 para o Grêmio, no estádio Olímpico, o técnico Mauro Galvão deixou o vestiário inconformado. Segundo o treinador, por começar perdendo e depois conseguir a virada, a equipe cruzmaltina não poderia permitir uma nova virada do time gaúcho.

– Quem perde um jogo não pode ter agradado a ninguém, mas precisamos ver o que o time fez de bom. Tivemos boas jogadas de ataque, e boa movimentação, mas fomos mal nos lances decisivos – disse Mauro Galvão.

–  Demos oportunidade ao Grêmio, e uma equipe que quer verncer não pode fazer isso. Quem faz 2 a 1 não pode dar a oportunidade de o adversário reagir – completou.

Para o zagueiro Henrique, o resultado não foi justo. “As duas equipes correram bastante. O Grêmio mostrou muita garra e determinação, mas na hora do pênalti, o juiz cooperou um pouco”, afirmou o zagueiro, que negou a suspeita de armação no resultado.

– Isso jamais existiria. Todos honram a camisa do Vasco. O Eurico nos paga para jogar. Houve o erro do árbitro, mas nós também falhamos na marcação – ressaltou Henrique.