Messi renova contrato com o Barcelona

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado quarta-feira, 5 de julho de 2017 as 12:24, por: CdB

A renovação com Messi, de 30 anos, ocorreu depois que o Barcelona também assegurou a manutenção dos companheiros de ataque do argentino

Por Redação, com Reuters – de Madri:

O atacante Lionel Messi renovou contrato com o Barcelona por mais quatro anos, ampliando sua permanência no clube espanhol pelo menos até 2021, informou a equipe nesta quarta-feira.

Atacante Lionel Messi do Barcelona durante partida no estádio Camp Nou, na Espanha

Messi, cinco vezes ganhador da Bola de Ouro, estava no último ano de seu acordo atual com o clube.

O argentino defende o Barcelona desde os 13 anos. Tendo sido revelado pelas divisões de base do clube até se tornar um dos melhores e mais bem-sucedidos jogadores do mundo. Na última temporada ele marcou 37 gols no Campeonato Espanhol.

A renovação com Messi, de 30 anos, ocorreu depois que o Barcelona também assegurou a manutenção dos companheiros de ataque do argentino, o brasileiro Neymar e o uruguaio Luis Suárez, que também assinaram novos acordos.

De acordo com a mídia espanhola, o novo contrato fará de Messi o jogador com o maior salário do clube, e sua cláusula de rescisão foi aumentada para 300 milhões de euros.

Blatter planeja visitar Rússia

O ex-presidente da Fifa Sepp Blatter vai viajar para a Rússia quando o país sediar a Copa do Mundo de 2018. Afirmou ele ao jornal suíço SonntagsBlick.

Blatter atualmente está cumprindo seis anos de banimento de qualquer atividade relacionada ao futebol. Pena imposta pela comissão de ética da Fifa depois de um escândalo de corrupção na entidade. Ele também tem sido aconselhado por advogados a não viajar ao exterior em meio a investigações internacionais.

– Sim, definitivamente – disse Blatter ao ser questionado se vai visitar a Rússia durante o torneio do próximo ano. “(O presidente russo) Vladimir Putin me convidou.”

– Eu só não posso ser árbitro. Mas todo o resto é possível – disse o ex-dirigente de 81 anos.

Blatter disse mais cedo neste ano que não é suspeito em investigações de corrupção no futebol sendo realizadas nos Estados Unidos.

Ele, porém, é alvo de ações criminais na Suíça. Embora não tenha sido formalmente indiciado.