Meteorologia emite alertas de emergência para chuvas fortes no Japão

Arquivado em: Ásia, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado sábado, 12 de outubro de 2019 as 11:08, por: CdB

A Agência de Meteorologia do Japão emitiu neste sábado alerta de emergência para chuvas torrenciais em várias áreas nas regiões central e leste do país.

Por Redação, com ABr – de Tóquio

A Agência de Meteorologia do Japão emitiu neste sábado alerta de emergência para chuvas torrenciais em várias áreas nas regiões central e leste do país. Os alertas são de nível mais elevado em uma escala que vai até 5.

Japoneses usam guarda-chuva para se proteger dos efeitos do mau tempo reinante no país
Japoneses usam guarda-chuva para se proteger dos efeitos do mau tempo reinante no país

As províncias que podem ser afetadas são Shizuoka, Kanagawa, Tóquio, Saitama, Gunma, Yamanashi e Nagano.

Estas áreas estão sendo atingidas por intensas chuvas que acontecem somente uma vez em várias décadas. Há um perigo iminente de deslizamentos de terra e inundações.

O nível 5 indica a possibilidade de que um desastre já tenha ocorrido. Recomendações estão sendo feitas para que a população faça o possível para se proteger.

Se as pessoas sentirem ser perigoso demais se deslocar para abrigos de emergência, a agência recomenda ir a um andar mais alto ou encontrar um prédio com estrutura forte nas proximidades.

Tufão ameaça japoneses

Um dos tufões mais severos deste ano está se deslocando em direção a regiões japonesas, incluindo Tóquio.

Meteorologistas informaram que o tufão está provocando chuvas com níveis de precipitação recorde principalmente nas regiões de Tokai e Kanto.

A Agência de Meteorologia definiu o tufão Hagibis com a classificação de “muito forte”. A tempestade está se deslocando rumo ao norte, sobre o Oceano Pacífico, em direção à principal ilha do país, Honshu.

O tufão Hagibis poderia apresentar dimensões semelhantes a um tufão que provocou a morte de mais de 1,2 mil pessoas na região de Kanto e na área de Izu, em 1958.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *