Militantes afegãos estendem prazo para reféns da ONU

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado sábado, 6 de novembro de 2004 as 13:39, por: CdB

Militantes que mantêm como reféns três funcionários da ONU no Afeganistão estenderam o prazo para que suas exigências sejam cumpridas. A mudança ocorreu por conta do tempo gasto por negociadores para chegar ao local das conversas, disse no sábado um porta-voz dos sequestradores.

– As conversações acontecerão amanhã porque as delegações da ONU e do governo afegão chegaram tarde – afirmou Khalid Agha, porta-voz do grupo Jaish-e Muslimeen.

– As conversas devem começar amanhã ao meio-dia ou às 13h (horário local). Por conta disso, nós tivemos que estender o prazo final.

Os sequestrados ameaçavam matar os reféns e já haviam estabelecido um novo prazo para que suas demandas fossem atendidas, no sábado à noite. Os três foram sequestrados em Cabul no dia 28 de outubro.

As demandas dos militantes incluem a libertação de prisioneiros do Taliban, a retirada das tropas dos EUA e a suspensão das operações da ONU no país.