Morre cantor português Roberto Leal

Arquivado em: Cultura, Destaque do Dia, Últimas Notícias
Publicado domingo, 15 de setembro de 2019 as 11:07, por: CdB

O cantor português Roberto Leal morreu, aos 67 anos, na madrugada deste domingo, em São Paulo. O cantor estava internado no Hospital Samaritano desde a última semana após sofrer uma reação alérgica. A causa da morte não foi divulgada.

O português Roberto Leal morreu aos 67 anos e era radicado no Brasil

Leal, famoso pelas músicas “Arrebita” e “Bate o pé” começou a carreira nos anos 70. Ao longo de mais de 40 anos na estrada, Leal vendeu mais de 17 milhões de discos e gravou mais de 400 músicas.

Nasceu em Portugal, em Trás os Montes, na Aldeia de Vale da Porca, sob o nome de António Joaquim Fernandes. Imigrou para o Brasil em 1962, com os pais e 10 irmãos, seguindo a família em 4 etapas.

Em São Paulo, após trabalhar como sapateiro, vendedor de doces e feirante, iniciou seu trabalho com a música e teve a sua primeira grande oportunidade em 1970, para gravar um disco na Gravadora R.G.E.

Em 1971 inicia sua carreira com a canção Arrebita e neste mesmo ano tem a sua primeira aparição em Televisão no Programa do Chacrinha. Em 1972 ganha o prêmio de Rei da Juventude Brasileira, do Velho Guerreiro e o importante Troféu Globo de Ouro, da TV Globo, entre inúmeros outros.

A partir daí inicia a contagem de 30 Discos de Ouro que iria receber até hoje e 5 Discos de Platina, entre os mais de 500 troféus que compõem sua coleção.

Sob a direção de Hércules Breseghelo, em 1979 protagoniza o filme “O Milagre – o Poder da Fé”. Um sucesso de bilheteira, a história autobiográfica promove valores como o trabalho abnegado, o sacrifício pela família e a redenção pela fé ao relatar a história real de seu pai que ficou cego durante muitos anos e recuperou a visão na Capelinha de Santo Ambrósio em Vale da Porca.

Em 2011 publicou a sua autobiografia em Portugal e no Brasil, um livro intitulado As Minhas Montanhas, onde fala sobre o seu percurso nas sinuosidades e dificuldades da vida. Um roteiro de crescimento interior, ancorado na compreensão dos fatos que lhe aconteceram, à luz da intuição e da espiritualidade.

Há dois anos, Leal informou que lutava contra um câncer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *