Morre o cientista político Wanderley Guilherme dos Santos

Arquivado em: Destaque do Dia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado sábado, 26 de outubro de 2019 as 15:11, por: CdB

No ano de 1962, Wandeley Guilherme publicou o ensaio “Quem dará o golpe no Brasil” que antecipou da derrubada de João Goulart.

Por Redação – do Rio de Janeiro

O cientista político Wanderley Guilherme dos Santos, 84 anos, faleceu na madrugada deste sábado no Rio de Janeiro. Fundador e pesquisador titular do Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP), Wanderley era formado em Filosofia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1958) e doutor em Ciência Política pela Stanford University (1969) e Pós-Doutorado em Teoria Antropológica na UFRJ em 1986.

Wandeley Guilherme publicou o ensaio “Quem dará o golpe no Brasil” que antecipou da derrubada de João Goulart
Wandeley Guilherme publicou o ensaio “Quem dará o golpe no Brasil” que antecipou da derrubada de João Goulart

No ano de 1962, Wandeley Guilherme publicou o ensaio “Quem dará o golpe no Brasil” que antecipou da derrubada de João Goulart. Um livro de Wandereley sobre a eleição de Jair Bolsonaro deve ser publicada em breve.

Nota de pesar do Instituto de Estudos Sociais e Políticos – IESP

Faleceu no começo da madrugada de hoje, dia 26 de outubro, Wanderley Guilherme dos Santos. Fundador do nosso instituto, onde atualmente era pesquisador associado, Wanderley é considerado por muitos o maior cientista político brasileiro. Produziu obra extensa que alcança vários campos da Ciência Política, da teoria às abordagens mais empiricamente orientadas.

Seus trabalhos e apresentações orais sempre foram marcados por impressionante precisão argumentativa, criatividade e competência analítica. Wanderely expressava o caráter excepcional de sua genialidade em cada texto, artigo, livro, comentário, intervenção escrita ou oral. Como pensavam os antigos gregos, uma de suas paixões intelectuais, o máximo que nós humanos podemos almejar é a eternidade, por meio de nossas obras. Demiurgo de instituições e da nossa disciplina, dono de obra fundamental, Wanderley Guilherme dos Santos a conquistou.

Nossos mais profundos sentimentos vão para sua família, Juliano Guilherme, Bernardo Guilherme, Cristiane Batista, Ângela Chaves, Luíza, Elisa e André, e particularmente para nosso estimado colega Fabiano.