Moscou denuncia depredação de monumentos soviéticos na Polônia

Arquivado em: Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 5 de fevereiro de 2021 as 11:12, por: CdB

A representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, denunciou que os monumentos ao Exército Vermelho localizados na Polônia estão continuamente sendo profanados.

Por Redação, com Sputnik – de Moscou

A representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, denunciou na quinta-feira que os monumentos ao Exército Vermelho localizados na Polônia estão continuamente sendo profanados.

Rússia denuncia depredação de monumentos soviéticos na Polônia

No comunicado, a porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia lembrou que, embora alguns tentem negar, o Exército Vermelho derrotou o nazismo.

– A Polônia continua seu ataque ao patrimônio memorial soviético, o que contradiz os princípios do mundo civilizado – alertou Maria Zakharova em uma rede social.

Patrimônio memorial soviético

A luta contra o patrimônio memorial soviético continua, o que contradiz os princípios do mundo civilizado e viola o Acordo Intergovernamental Russo-Polonês. Os monumentos aos nossos soldados libertadores em Ogrodzieniec e Rzeczyn foram profanados.

Segundo ela, “embora na Polônia, mais uma vez, eles mostrem amostras de “memória histórica seletiva distorcendo diferentes eventos da Segunda Guerra Mundial, isso não mudará o principal: o Exército Vermelho fez uma contribuição decisiva para a derrota da Alemanha nazista e a libertação da Europa do nazismo”.

Zakharova: os elementos da ordem mundial do pós-guerra determinados em Yalta e Potsdam continuam a desempenhar um papel fundamental hoje, quando o mundo está em um estágio difícil de seu desenvolvimento. Um novo sistema policêntrico é formado na arena política global.