Navio de passageiros retorna a Yokohama após caso de vírus

Arquivado em: Ásia, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 3 de fevereiro de 2020 as 14:58, por: CdB

Autoridades sanitárias japonesas tomam medidas para evitar a disseminação do novo coronavírus a partir de um navio de passageiros de luxo dias após a constatação de infecção em um homem.

Por Redação, com ABr – de Tóquio

Autoridades sanitárias japonesas tomam medidas para evitar a disseminação do novo coronavírus a partir de um navio de passageiros de luxo dias após a constatação de infecção em um homem que viajou na embarcação.

Infecção foi constatada em uma pessoa de 80 anos
Infecção foi constatada em uma pessoa de 80 anos

O navio está para retornar na noite desta segunda-feira (3) à cidade de Yokohama, perto de Tóquio.

Autoridades de Hong Kong comunicaram a constatação da infecção com o vírus de um habitante local de 80 anos após o seu retorno ao território no navio que havia partido de Yokohama. Informaram que o homem havia viajado de avião para a capital japonesa em 17 de janeiro, embarcado no navio no porto de Yokohama três dias depois e retornado a Hong Kong no dia 25.

O homem começou a tossir um dia antes de embarcar no navio e teve febre no dia 30. No sábado, submeteu-se a um exame do coronavírus e o resultado foi positivo.

O cruzeiro

A empresa que administra o cruzeiro explica que a embarcação também fez escalas no Vietnã, em Taiwan e na província japonesa de Okinawa previamente ao retorno a Yokohama. Afirma que até agora nenhum tripulante se queixou de febre ou outros sintomas.

O Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar Social do Japão procura identificar que pessoas entraram em contato com o homem infectado no navio. Também planeja tomar exaustivas medidas de prevenção, incluindo a colocação dos passageiros em estado de quarentena após o seu desembarque do navio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *