Ocupação nos hotéis para o Réveillon chega a 85% no Rio

Arquivado em: Destaque do Dia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 25 de dezembro de 2018 as 16:21, por: CdB

A maior demanda foi registrada no Flamengo, com 91% de ocupação, seguida por Ipanema e Leblon, com 89%, e outros bairros da Zona Sul da capital.

Por Redação, com ABr – do Rio de Janeiro

A taxa média de ocupação hoteleira para o Réveillon atingiu 85%, superando os 51% registrados no mesmo período no ano passado. A pesquisa foi divulgada nesta terça-feira pelo Sindicato dos Hotéis do Rio de Janeiro (SindHotéis Rio. A maior demanda foi registrada no Flamengo, com 91% de ocupação, seguida por Ipanema e Leblon, com 89%, e outros bairros da Zona Sul da capital.

Réveillon na Praia de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro

Na Barra da Tijuca, Zona Oeste, 87% dos quartos já estão reservados. De acordo com o SindHotéis Rio, pela primeira vez a Barra da Tijuca tem maior procura que Copacabana, que, até o momento, está com 85% de ocupação. Na região central da cidade, as reservas alcançam 79%.

Mercado

A Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro (ABIH-RJ) apurou que, nos municípios do interior do estado, mais de 80% dos quartos estão reservados para o a passagem de Ano Novo. O presidente da ABIH-RJ e do SindHotéis Rio, Alfredo Lopes, considerou que a procura está bastante aquecida neste ano.

– Pelo comportamento atual do mercado, a data será prioritariamente a do mercado nacional, que costuma reservar mais em cima da hora. Ainda assim, a reserva para os bairros do centro, Flamengo e Barra da Tijuca, que praticam valores um pouco abaixo da tradicional Zona Sul, já está bastante aquecida – afirmou.

Lopes acredita que, embora Copacabana não apareça na liderança da ocupação hoteleira, o réveillon terá quartos lotados.

– A orla de Copacabana sempre lota; é um dos maiores réveillons do mundo. Neste ano não será diferente – disse Alfredo.

A ABIH-RJ promove este ano, na Barra da Tijuca, a queima de fogos em 12 pontos da orla, envolvendo hotéis e condomínios, com tempo de duração de 14 minutos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *