Oito pessoas se ferem em manifestação no Haiti

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado sexta-feira, 12 de dezembro de 2003 as 01:29, por: CdB

Pelo menos oito pessoas ficaram feridas na última quinta-feira em Porto Príncipe, no Haiti, durante um protesto de milhares de manifestantes, estudantes em sua maioria, para exigir a renúncia do presidente Jean Bertrand Aristide.

Entre os feridos, há dois estudantes atingidos por tiros e outros três atropelados por uma viatura da polícia que circulava em alta velocidade.

Esta foi a maior manifestação de jovens contra o presidente Aristide – que completa seu segundo mandato de cinco anos (2001-2006), o primeiro foi entre 1991 e 1996 – desde sua entrada no cenário político haitiano em 1990.

Os policiais do Batalhão de Choque tentaram impedir a entrada dos jovens no Palácio Nacional com granadas de gás lacrimogêneo e disparos para o alto. Militantes ligados ao governo, que estavam no local, lançaram pedras contra os estudantes.

De acordo com a Rádio Vision 2000, os senadores Dany Toussaint, ex-chefe da polícia no regresso de Aristide do exílio em 1994, e Prince Sonson Pierre, dirigente da tendência reformista do Partido Lavalas, participaram do protesto. Este partido, da base governista, se afastou recentemente de Aristide.