ONU fará reunião de emergência sobre barreira na Cisjordânia

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado terça-feira, 2 de dezembro de 2003 as 22:01, por: CdB

A Assembléia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) fará uma sessão de emergência na próxima segunda-feira para discutir a possibilidade de uma maior pressão sobre Israel depois de o país ter rejeitado um pedido para que parasse a construção de uma barreira na Cisjordânia.

O encontro foi anunciado nesta terça-feira pela porta-voz da Assembléia Geral, Michele Montas.

As nações árabes pediram o encontro depois de o secretário-geral da ONU, Kofi Annan, ter afirmado na semana passada que o “muro de segurana”, como Israel chama a barreira de 22 quilômetros na fronteira de 1967 com a Cisjordânia, violará as leis internacionais e aumentará  o sofrimento dos palestinos.

A Assembléia Geral decidiu-se por 144 votos a quatro no mês passado, mais 12 abstenções, pela adoção de uma resolução pedindo a Israel o fim da construção da barreira. Somente os Estados Unidos, Israel, as Ilhas Marshall e a Micronésia votaram “não”.