ONU: Trump chama Irã de ‘ditadura corrupta’

Arquivado em: América do Norte, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 25 de setembro de 2018 as 12:57, por: CdB

Trump fez uma comparação entre o relacionamento dos Estados Unidos com o Irã com o que descreveu como laços melhorados com o líder norte-coreano.

Por Redação, com Reuters – de Nova York

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, criticou o Irã nesta terça-feira, descrevendo o país como uma “ditadura corrupta” que está roubando da população para pagar por agressões no exterior, usando seu discurso na Assembleia Geral da ONU para enviar uma mensagem dura a Teerã.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump

– Os líderes do Irã semeiam o caos, a morte e a destruição – disse Trump durante o encontro anual. “Eles não respeitam os vizinhos ou fronteiras ou os direitos de soberania das nações”.

Trump fez uma comparação entre o relacionamento dos Estados Unidos com o Irã com o que descreveu como laços melhorados com o líder norte-coreano, Kim Jong Un, a quem elogiou por interromper testes nucleares e de mísseis e por devolver restos mortais de militares norte-americanos da Guerra da Coreia.

Trump usou seu discurso para pedir reformas no comércio internacional e insistiu que seu principal objetivo como presidente é proteger a soberania norte-americana. Ele pediu que a Opep pare de aumentar os preços do petróleo, e criticou as práticas comerciais da China.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *