Operação integrada prende 23 pessoas no Rio

Arquivado em: Destaque do Dia, Polícia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018 as 13:26, por: CdB

Segundo balanço parcial divulgado pela Secretaria de Estado de Segurança (Seseg), 18 maiores e dois menores foram autuados em flagrante ou estavam com mandados em aberto

Por Redação, com ABr -do Rio de Janeiro:

A operação integrada das forças de segurança deflagrada nesta-feira na Cidade de Deus, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, e na região metropolitana, levou até o momento 23 pessoas para averiguação na Cidade da Polícia.

Foram apreendidos três fuzis e duas pistolas, além de três carros, sete motos, drogas e munição, que ainda estão sendo contabilizados

Segundo balanço parcial divulgado pela Secretaria de Estado de Segurança (Seseg), 18 maiores e dois menores foram autuados em flagrante ou estavam com mandados em aberto. As outras três pessoas estão sendo identificadas. Foram apreendidos três fuzis e duas pistolas; além de três carros, sete motos, drogas e munição, que ainda estão sendo contabilizados.

A operação continua em andamento, com a participação das polícias Civil e Militar e a cooperação das Forças Armadas; Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e Força Nacional.

As Forças Armadas estão fazendo o cerco e a desobstrução de vias, além de ações de estabilização na Cidade de Deus. As tropas fizeram bloqueio, controle e fiscalização de vias urbanas nos acessos à BR-101; na região de São Gonçalo, e patrulhamento no Arco Metropolitano.

Os representantes das instituições envolvidas nas operações estão acompanhando e orientando os desdobramentos das ações em tempo integral, desde as cinco horas da manhã, No Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), na Cidade Nova.

Forças federais

As forças federais participaramm, desde as 5h;  de uma operação conjunta com as polícias Civil e Militar em vários pontos estratégicos do Grande Rio. Entre os alvos da ação estão a comunidade da Cidade de Deus, na Zona Oeste da capital, os acessos à BR-101, São Gonçalo e o Arco Metropolitano.

As Forças Armadas são responsáveis pelo cerco, a desobstrução de vias e por ações de estabilização na Cidade de Deus. Em São Gonçalo, haverá pontos de bloqueio, controle e fiscalização de vias urbanas nos acessos à BR-101. No Arco Metropolitano, será feito um patrulhamento.

Além das Forças Armadas, participaramm da ação a Força Nacional de Segurança, a Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal.

Algumas ruas e acessos nessas áreas podem ser interditados e setores do espaço aéreo poderão ser controlados oportunamente; com restrições para aeronaves civis. Não há interferência nas operações dos aeroportos.

O comando da operação está concentrado no Centro Integrado de Comando e Controle, na Cidade Nova.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *