Organização dos Jogos de Tóquio quer discutir decisão do COI sobre transferência de maratona

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Esportes Olímpicos, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 17 de outubro de 2019 as 14:29, por: CdB

Tóquio deseja mais tempo para discutir o plano do Comitê Olímpico Internacional (COI) sobre transferir a maratona.

Por Redação, com Reuters – de Tóquio/Cidade do Vaticano

Tóquio deseja mais tempo para discutir o plano do Comitê Olímpico Internacional (COI) sobre transferir a maratona para Sapporo, disse nesta quinta-feira Yoshiro Mori, presidente dos Jogos de 2020.

Presidente do Comitê Organizador das Olimpíadas de 2020, Yoshiro Mori
Presidente do Comitê Organizador das Olimpíadas de 2020, Yoshiro Mori

No entanto, enquanto falava com repórteres, Mori também afirmou que Tóquio teria de aceitar a decisão do COI.

O comitê anunciou na quarta-feira um plano para transferir a maratona e a marcha atlética da Olimpíada de 2020 para a ilha de Hokkaido, ao norte do Japão, devido a temores com o calor da capital japonesa.

A organização local, entretanto, pareceu acreditar que o COI apenas havia feito uma proposta para discutir o assunto durante uma reunião com a comissão coordenadora, prevista para ocorrer neste mês.

A Kyodo News informou que autoridades japonesas descreveram a transferência como “repentina”.

As temperaturas

As temperaturas de Tóquio em julho e agosto, época em que a cidade sediará a Olimpíada e a Paralimpíada, normalmente ultrapassam os 30 graus Celsius, e a umidade elevada aumenta o desconforto.

Em Sapporo, a capital de Hokkaido, as temperaturas neste período chegam a ficar de 5 a 6 graus mais frescas do que em Tóquio durante o dia, segundo o COI.

Time norte-americano

Alguns santos têm auréolas, outros usam capacetes.

Os funcionários do Vaticano que administram a conta oficial em inglês do Twitter do papa Francisco confundiram os dois no domingo quando tuitaram sobre os cinco novos santos que ele canonizou na Praça de São Pedro, incluindo a brasileira Santa Dulce dos Pobres.

– Hoje agradecemos ao senhor por nossos novos #Santos. Eles caminharam na fé e agora invocamos sua intercessão – disse o tuíte.

Mas a hashtag original em inglês #Saints usada pelo Vaticano mostrava em seguida a flor de lis, que é usada pelo time de futebol americano New Orleans Saints.

O New Orleans Saints tem 1,5 milhão de seguidores no Twitter, e Francisco cerca de 1,8 milhão só em sua conta oficial em inglês.

A mensagem viralizou, e milhares de torcedores de futebol americano dos Estados Unidos reagiram. Muitos torcedores do New Orleans Saints agradeceram em tom de brincadeira ao que entenderam como uma bênção.

“Louvem o Senhor e passem a bola”, disse um deles.

A título de registro, os santos de New Orleans derrotaram o Jacksonville Jaguars por 13-6 no domingo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *