Papa Francisco pede que governos ajudem as pessoas mais pobres durante a pandemia

Arquivado em: África, América do Norte, América Latina, Ásia, Destaque do Dia, Europa, Mundo, Oriente Médio, Últimas Notícias
Publicado sábado, 25 de abril de 2020 as 15:56, por: CdB

Na missa realizada na Casa de Santa Marta, Francisco também pediu para que os líderes dos países consigam planejar “soluções sociais e econômicas com visão e espírito de solidariedade” para ajudar os mais necessitados.

Por Redação, com Ansa – de Roma

O papa Francisco pediu neste sábado para que os governos ajudem com “sabedoria e generosidade” as pessoas que “não têm o necessário para viver” em meio à pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2).

Triste com a falta de solidariedade no mundo capitalista, o papa Francisco pede que os governos dos países atingidos pela pandemia ajudem os cidadãos mais pobres
Triste com a falta de solidariedade no mundo capitalista, o papa Francisco pede que os governos dos países atingidos pela pandemia ajudem os cidadãos mais pobres

Na missa realizada na Casa de Santa Marta, Francisco também pediu para que os líderes dos países consigam planejar “soluções sociais e econômicas com visão e espírito de solidariedade” para ajudar os mais necessitados.

— Ajudar os líderes das nações para que trabalhem com sabedoria, preocupação e generosidade, ajudando aqueles que não têm o necessário para viver, planejando soluções sociais e econômicas com visão e espírito de solidariedade  disse o papa.

O líder da Igreja Católica também solicitou que as “grandes somas usadas para aumentar e aperfeiçoar armamentos” sejam destinadas para “estudos adequados para evitar desastres semelhantes no futuro”.

Misericordiosos

Em sua declaração, Francisco também relembrou das pessoas responsáveis pelos serviços funerários. O papa afirmou que é um ofício “doloroso” e fez uma oração para eles.

— Ó Virgem Maria, volte seus olhos misericordiosos para nós nesta pandemia do coronavírus e conforte aqueles que estão perdidos e chorando por seus mortos queridos, às vezes enterrados de uma maneira que machuca a alma. Apoie aqueles que estão ansiosos por pessoas doentes com quem não podem ficar próximos para evitar o contágio  rezou Francisco.

Na oração, o papa ainda pediu proteção para os profissionais de saúde que estão na linha de frente na luta contra a covid-19. O pontífice orou para que os médicos e enfermeiros tenham “força, bondade e saúde”.

De acordo com dados da Universidade Johns Hopkins, há quase 3 milhões de casos confirmados no mundo inteiro e quase 198 mil mortes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *