Pesquisadores descobrem planeta parecido a Netuno que pode ter nuvens de água

Arquivado em: América do Norte, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias, Universo
Publicado sexta-feira, 11 de junho de 2021 as 10:19, por: CdB

O novo planeta semelhante a Netuno poderia nos ajudar a entender melhor os sistemas planetários distantes, bem como nosso próprio, de acordo com a NASA. Mas é pouco provável que os humanos alcancem o mundo gasoso distante.

Por Redação, com Sputnik – de Washington

O novo planeta semelhante a Netuno poderia nos ajudar a entender melhor os sistemas planetários distantes, bem como nosso próprio, de acordo com a NASA. Mas é pouco provável que os humanos alcancem o mundo gasoso distante.

Cientistas descobrem planeta parecido a Netuno que pode ter nuvens de água

O TOI-1231 b é 3,5 vezes maior do que a Terra e é desconfortavelmente quente pelos padrões terrestres, registrando temperaturas de até 57 graus Celsius. Embora seja difícil imaginar, em comparação com o resto do Universo conhecido, ele é na verdade um dos planetas pequenos mais frios a serem identificados.

Tecnicamente, o TOI-1231 b é classificado como exoplaneta, já que é um planeta orbitando outra estrela, neste caso, uma estrela anã vermelha, a qual é menor do que nosso Sol, mas tem uma vida útil mais longa.

O exoplaneta tem um ano incrivelmente curto, visto que orbita a estrela uma vez a cada 24 dias.

O planeta foi descoberto por uma equipe internacional de astrônomos liderada pela dra. Jennifer Burt, uma pesquisadora de exoplanetas do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA, na Califórnia do Sul, e pela professora Diana Dragomir, da Universidade do Novo México.

Similaridades com Netuno

O TOI-1231 b tem similaridades com Netuno, sendo um planeta gasoso com atmosfera com grande potencial para observação, segundo o site oficial da NASA.

Parece que olhar para esse mundo através de um telescópio terá que ser suficiente, ele está localizado a cerca de 90 anos-luz da Terra.

Devido ao que já sabemos sobre TOI-1231 b, é possível que os pesquisadores encontrem evidências de nuvens de água em sua atmosfera, diz a NASA. E como o planeta distante está se afastando da Terra a alta velocidade, é concebível que os átomos de hidrogênio, ao deixarem sua atmosfera, darão ao exoplaneta uma “cauda”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code