Polícia apura fraudes na compra de cestas básicas em Búzios

Arquivado em: Destaque do Dia, Polícia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 16 de março de 2021 as 14:18, por: CdB

Policiais civis do Departamento Geral de Combate ao Crime Organizado e Lavagem de Dinheiro (DGCOR-LD) cumpriram, nesta terça-feira, oito mandados de busca e apreensão em diversas cidades da Região dos Lagos e na capital fluminense.

Por Redação, com ACS – do Rio de Janeiro

Policiais civis do Departamento Geral de Combate ao Crime Organizado e Lavagem de Dinheiro (DGCOR-LD) cumpriram, nesta terça-feira, oito mandados de busca e apreensão em diversas cidades da Região dos Lagos e na capital fluminense.

Polícia Civil apura fraudes na compra de cestas básicas em Búzios

A ação é parte da Operação Farinha Pouca, que tem como alvos ex-secretários municipais de Armação de Búzios. Os agentes procuram documentos, celulares e valores em espécie.

A investigação apura fraudes na compra de 19 mil cestas básicas com dispensa de licitação em razão da pandemia decorrente do Coronavírus. Os contratos foram celebrados durante os meses de março e abril de 2020.

De acordo com o apurado, a empresa contratada subcontratou uma empresa do Espírito Santo para o fornecimento de cestas básicas que foram entregues sem a adequada verificação e controle.

Outro fato que chamou a atenção foi a ausência de estudo prévio para a compra de 19 mil cestas básicas para o município que tem apenas 34 mil habitantes.

Agressão

Policiais Civis da 167ª DP (Parati) prenderam um homem acusado de lesão corporal, na forma da lei Maria da Penha, na segunda-feira, no bairro Prainha em Paraty.

Segundo os agentes a unidade recebeu informação de que uma mulher estava sendo agredida e foram até o local. A vítima foi encontrada caída ao chão com diversos hematomas. O agressor foi preso em flagrante e encaminhado ao sistema prisional onde está à disposição da Justiça.

Tráfico de drogas

Policiais civis da 19ª DP (Tijuca) prenderam em flagrante o chefe do tráfico de drogas da comunidade do Chacrinha, na Praça Seca, Zona Oeste do Rio. Contra o traficante havia um mandado de prisão preventiva em aberto pelo crime de roubo. Ele estava foragido da Justiça desde 2014.

O acusado foi localizado na Tijuca, Zona Norte, na última sexta-feira. Na ocasião, ele foi preso em flagrante pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo com numeração suprimida e associação para o tráfico, além de uso de documento falso. De acordo com os agentes, o traficante estava em um veículo com motorista particular, que também foi preso por associação para o tráfico e porte compartilhado da arma de fogo localizada no automóvel.

Os acusados foram encaminhados ao sistema penitenciário e estão à disposição da Justiça.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code